• Visualizações 554

Últimos dias para se vacinar contra a gripe

 

Faltando poucos dias para o término da campanha nacional de vacinação, que se encerra na próxima sexta-feira, 26, o número de imunizados dos grupos prioritários está aquém do esperado, conforme o levantamento da Secretaria Estadual de Saúde.

A pasta do Estado confirmou mais dois óbitos por Gripe A nesta semana. Com os novos casos, passam para cinco as mortes registradas pela doença neste ano. Uma delas foi de uma idosa de Venâncio Aires, de 92 anos, com problemas cardíacos e diabetes. A outra situação foi de uma mulher, de 62, de Nova Santa Rita, que tinha problemas pulmonares, imunodeficiência e hipertensão arterial. Mais dois casos em Porto Alegre e um em Dom Pedrito fecham as estatísticas até o momento.

De acordo com o responsável pelo Setor de Imunização da Prefeitura de Novo Hamburgo, Edson Luís da Silva, é preocupante a procura em torno de 40% por parte das mulheres grávidas. “E em qualquer período da gestação, a adesão segue baixa”, observa o enfermeiro.

Percentual ainda menor no Estado, inferior a 40% de vacinados, as crianças acima dos seis meses de vida e menores de cinco anos representam a fatia com menor índice de no Rio Grande do Sul. A meta do Setor de Imunização, do Departamento de Vigilância Epidemiológica, é vacinar 90% de cada um dos grupos prioritários.

Dia D

O sábado passado, 13, foi dedicado ao Dia D de Vacinação contra a gripe. Reservada à imunização dos grupos prioritários, a data foi a mesma em todo o território brasileiro. Em Novo Hamburgo, a procura pela vacina foi abaixo do esperado. Até agora, apenas 63,45% dos grupos prioritários fizeram a imunização.

72,39% dos idosos já se vacinaram

O grupo de idosos, que abrange pessoas com 60 anos ou mais, já atingiu 72,39% da meta. E praticamente todos os profissionais de saúde já receberam a vacina, chegando à marca de 91,94%. Das puérperas, que deram à luz em até 45 dias, 77,22% também já foram vacinadas.

Serviço:

Quando: até o dia 26 de maio.

Quem:

Pessoas com 60 anos de idade ou mais | Crianças de 6 meses até 5 anos | Gestantes em qualquer período | Mães até 45 dias após o parto | Pessoas com doenças crônicas | Professores da rede pública e privada | Trabalhadores da saúde.

Onde:

De segunda a sexta-feira:

Das 9 horas ao meio-dia: Centro de Especialidades

Das 8 às 16 horas: Casa de Vacina, UBS Kunz, Liberdade, Primavera e Rincão

Das 8 horas ao meio-dia e das 13 às 16 horas: UBS Canudos e Santo Afonso / USF Guarani, Liberdade, Kraemer, Redentora, São Jorge, Rondônia, Roselândia, Lomba Grande, Kephas, Boa Saúde, Iguaçu, Kroeff, Morada dos Eucaliptos, Getúlio Vargas, Mundo Novo, Petrópolis e Palmeira.

O que levar:

Carteira de vacinação, Carteira de Identidade (RG), receita prescrita no caso de doença cr

Compartilhar

Ginástica/Pio XII traz medalhas e é destaque no Sul Brasileiro de Natação

Avançar »

Trensurb comercializa 4,6 mil unidades de novos testes de bilhetes com QR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical