• Visualizações 665

Médicos estrangeiros que trabalharem no Brasil terão que falar português

Recrutados pelo governo trabalharão em locais carentes ou em cidades do interior. Municípios que quiserem receber profissionais devem se cadastrar em um programa do governo federal.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Os médicos estrangeiros que vierem trabalhar no Brasil terão que fazer um teste de proficiência em português. Liberados das prova técnica de conhecimentos, os profissionais de saúde recrutados pelo governo federal irão atuar nas áreas mais carentes do Brasil.

De acordo com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, os profissionais dispostos a participar do programa, que atualmente está em fase de detalhamento, precisarão comprovar conhecimento da língua para receber o registro provisório. Essa permissão de trabalho temporário (prevista para três anos) poderá ser criada através de uma medida provisória

Atualmente, os médicos que desejam trabalhar no Brasil precisam fazer um teste teórico e prático para revalidação do diploma, denominado de Revalida. Aqueles que fizerem esse exame recebem um registro permanente e pode atuar em qualquer lugar no país.

Na terça-feira, dia 21 de maio, Padilha disse que apenas as cidades que participem do Programa de Requalificação de Unidades Básicas de Saúde – UBS poderão receber os médicos recrutados no exterior. A iniciativa, coordenada pelo governo federal, tem um custo estimado de R$ 1,6 bilhão na reforma, ampliação ou construção de postos de atendimento. Segundo o ministério da educação, 2.810 municípios apresentaram neste ano propostas para construção de centros.

Informações de Portal R7

FOTO: ilustrativa / jornalimpactoonline.com.br

Compartilhar

Índice de imunizados contra a gripe supera estimativa do governo

Avançar »

Odontofobia – Medo de ir ao dentista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical