• Visualizações 471

Levantamento aponta que 60% dos homens só vão ao médico quando doença está avançada

Quadro é reflexo da baixa procura por consultas regulares e exames preventivos por parte dos homens. Urologista aconselha visita anual.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Entre todos os pacientes que chegam ao Centro de Referência da Saúde do Homem, órgão da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, 60% já está com doenças em estado considerado avançado e necessitam de intervenção cirúrgica para tratá-las.

O dado foi constatado em levantamento feito pelo próprio centro e divulgado às vésperas do Dia do Homem, comemorado em 15 de julho. O quadro é reflexo da baixa procura por consultas regulares e exames preventivos por parte dos homens. “Os homens devem ir ao médico, a partir dos 40 anos, no mínimo uma vez ao ano”, aconselha Joaquim Claro, urologista e médico coordenador do Centro de Referência da Saúde do Homem. “Eles devem fazer um check-up, uma avaliação de rotina urológica completa, em particular da próstata, que é o que mais preocupa os homens.”

A maioria dos pacientes desconhecia suas condições de saúde e ignorava sintomas iniciais das doenças mais comuns, adiando a busca por ajuda especializada. O médico diz que as doenças mais comuns que podem ocorrer com o sexo masculino após os 40 anos são câncer de próstata, que atinge cerca de 16% dos homens, e também problemas relacionados à bexiga e ao rim, onde podem ocorrer câncer. O crescimento benigno da próstata, que atinge 100% dos homens, alterações hormonais e cálculos renais também devem ser acompanhados.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o diagnóstico precoce permite tratamentos menos agressivos e com maiores chances de cura. A recuperação do paciente é mais rápida e os gastos com o procedimentos e a hospitalização, menores.

Informações de Estadão

FOTO: ilustrativa / Thinkstock Photos

Compartilhar

São Borja recebe 10 mil doses de vacina após confirmação de quatro mortes

Avançar »

Novo Hamburgo: Projeto VER-SUS oferece oportunidades de estágio na área da saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*