Oito Estados brasileiros já se preparam para combate a dengue do próximo verão

Goiás, São Paulo e Rio de Janeiro já iniciaram campanhas de mobilização social no combate da doença, que tem risco de epidemia maior no verão.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Os governos dos estados com registros de casos da doença já adotam medidas de prevenção no controle da dengue para o período dos últimos meses de 2011 até o início de 2012. O risco de epidemia da doença é maior no verão por conta do período chuvoso, pois o transmissor se prolifera com mais facilidade. Estados já iniciam campanhas de alerta.

Segundo um balanço feito pela Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, foram registrados cerca de 715 mil casos de dengue no país entre janeiro e junho deste ano. A região que tem mais casos é a sudeste, seguida por nordeste, norte, sul e centro-oeste. Além disso, 75% dos casos são concentrados em oito Estados do país: Rio de Janeiro, São Paulo, Amazonas, Ceará, Paraná, Minas Gerais, Espírito Santo e Bahia.

A Secretaria de Saúde já elaborou um projeto de mobilização social para prevenir a proliferação do mosquito no Distrito Federal. “Em época chuvosa, devemos redobrar a nossa atenção, por isso pedimos que a sociedade nos ajude com ações simples como retirar de suas casas qualquer objeto que seja favorável à proliferação do mosquito e eliminar a água parada dos ambientes”, disse o coordenador-geral do Programa de Prevenção e Controle da Dengue no DF, Ailton Domicio da Silva.

Um Mapeamento do Centro de Vigilância Epidemiológica do São Paulo apontou que 43% dos municípios paulistas, 283, têm risco alto ou muito alto para a ocorrência de dengue neste verão. Por conta disso, a Secretaria da Saúde lançou nesta segunda-feira, 03, o Plano Estadual de Intensificação das Ações de Vigilância e Controle da Dengue para o verão de 2011 a 2012. O plano pretende capacitar e atualizar os profissionais da saúde em seus locais de trabalho, focando temas como manejo clínico, avalição de risco e organização de serviços.

Sendo o segundo Estado da região sudeste a ter uma campanha, a Secretária de Saúde lançou no Rio de Janeiro a campanha Dez Minutos contra a Dengue. Essa campanha tem como objetivo estimular os moradores a dedicar dez minutos por semana para verificar focos de água parada em suas casas., já que 80% dos focos de dengue estão em imóveis residenciais. O alerta é feito pelo grande número de casos de dengue e de mortes registradas pela doença. De 02 de janeiro a 24 de setembro, houve 159.052 casos e 131 mortes pela dengue.

Informações de Agência Brasil

FOTO: Ilustrativa

Compartilhar

Anvisa tem o papel de definir regras para o uso de emagrecedores, diz Dirceu Barbano

Avançar »

Farmácias e drogarias terão dois meses para retirar anfetamínicos de prateleiras

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*