• Visualizações 1396

Hemocentro reforça apelo para doação de sangue para o Carnaval

O Banco de Sangue fornece sangue e hemoderivados para leitos do SUS de 48 hospitais conveniados.

O Hemocentro do RS precisa de sangue de todos os tipos, principalmente os de RH Negativo. Os estoques estão baixos e podem faltar durante o período de Carnaval, quando aumentam os atendimentos de urgência e emergência na rede pública de saúde. Doadores devem se apresentar das 8h às 18h, até sexta-feira (12) (avenida Bento Gonçalves, 3.722, bairro Partenon), em Porto Alegre. Após o feriado de terça-feira (16), as doações serão retomadas na quarta-feira (17), a partir das 12h.

As condições básicas para doar incluem boa saúde, ter entre 18 e 65 anos incompletos e portar documento oficial de identidade com foto. Mais informações pelo fone 3336-6755 ou no endereço eletrônico http://www.hemocentro.rs.gov.br/.

O Hemocentro é administrado pela Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (Fepps), vinculada à Secretaria da Saúde. O Banco de Sangue fornece sangue e hemoderivados para leitos do SUS de 48 hospitais conveniados.

Compartilhar

Estado prepara lançamento da campanha contra hepatites virais

Avançar »

Serviços da SES no Carnaval 2010

3 comentários

  1. Aline Borges
    23 de novembro de 2010

    Irei fazer 18 anos só em maio/2011, mas gostaria de fazer logo o cadastro e exame, se for possivel, para saber se poderei doar assim que completar os 18 anos… que documentos preciso levar, e onde encontro algum hemocentro em NH? Afinal, demora um certo tempo para ter o resultado do exame.
    Agradeço desde já, espero respostas!

    Responder
  2. Fernanda
    15 de março de 2011

    … Por experiência própria: Um dos fatores da “falta” de doadores é a burocracia por parte desse hemocentro.
    Para eu saber se já poderia doar sangue novamente, tive que ligar 5 vezes. Um passando a ligação para o outro, ou pegavam o telefone e colocavam de volta no gancho.Um absurdooooo!!!!
    Pediram, na quinta vez que estava ligando, que eu ligasse dali uns 20 minutos por que a pessoa não estava na coleta. Questionei se era só uma pessoa responsável e disseram que eram duas. E a outra? A pessoa não soube dizer. Poxa! Estou no trabalho, quero fazer um bem, estou pagando por essas ligações, estou longe, mas vou doar por que sei da necessidade… Mas assim não dá…
    Comentei com um sargento do meu trabalho, ele disse a mesma coisa. Disse que já doou muitas vezes, mas que a falta de presteza por parte dos funcinários, tem deixado de ir doar. Disse que são obrigados a tomar um “chá de banco”.
    Antes de questionarem por que as pessoas não vão doar sangue, deveriam estudar os motivos…

    Responder
  3. Alessandro Giordano
    22 de janeiro de 2013

    Estes horários de doação são terríveis, pois eu não quero faltar trabalho para doar, apesar de ser permitido a falta.
    Como doar sem faltar trabalho?

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*