Até agosto o país teve mais de 406 mil casos de dengue

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, admitiu que a pasta já tinha conhecimento do risco apresentado por cada um dos estados e afirmou que os governos estaduais têm a sua parcela de culpa.

As notificações de casos de dengue em todo o país subiram para 406.883 até agosto. Até julho, o total chegava a 387.158. De acordo com dados do Ministério da Saúde, houve queda de 46,3% no número de registros da doença em relação ao balanço do mesmo período de 2008, quando havia 758.051 casos.

Cinco estados brasileiros apresentaram um aumento significativo de casos: Acre (de 2.141 para 18.106), Bahia (de 33.541 para 101.676), Espírito Santo (de 33.403 para 50.482), Mato Grosso do Sul (de 4.065 para 12.441) e Mato Grosso (de 10.504 para 35.501).

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, admitiu que a pasta já tinha conhecimento do risco apresentado por cada um dos estados e afirmou que os governos estaduais têm a sua parcela de culpa. “Eles têm a responsabilidade de monitorar  os municípios e de manter uma ação local. Não é uma questão de acusar alguém, mas de aprender com os erros e aperfeiçoar estratégias”, disse.

Temporão disse ainda que já havia visitado cada um dos estados com pior desempenho e alertado para os riscos de uma descontinuidade no combate à dengue provocada pelas disputas nas eleições municipais do ano passado. “O gestor, ao perceber que já perdeu as eleições, relaxa no combate”, afirmou.

Além da queda de 46,3% nas notificações da doença durante as primeiras 30 semanas deste ano, o ministério informou que os casos mais graves caíram 79,2%, passando de 20.579, em 2008, para 4.281, em 2009. O balanço parcial aponta ainda uma redução de 63,2% nas mortes provocadas pela dengue em todo o país, de 451 para 166.

“Os números que temos são muito significativos. Poderíamos ter tido um resultado melhor se os estados [com os piores índices] tivessem tido um desempenho melhor. Esperamos um desempenho mais homogêneo para 2010”, disse o ministro.

  

FOTO: ministro da Saúde, José Gomes Temporão, lança Campanha Nacional de Combate à Dengue, na sede da OPAS em Brasília. Crédito: Wilson Dias/Abr

 

Informações ABr

Compartilhar

Hospital da Visão de NH é de alta complexidade em oftalmologia

Avançar »

Encerrada campanha de prevenção e combate das hepatites virais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*