• Visualizações 533

Prefeito presta esclarecimentos sobre problemas da cidade

Anunciou também, verba de R$ 26 milhões, recurso que será utilizado em obras de pavimentação e recapeamento asfáltico ainda em 2014.

Da Redação (redacao@novohamburgo.org) (Siga no Twitter)

O prefeito de Novo Hamburgo, Luis Lauermann, usou a tribuna na sessão desta quarta-feira, dia 19, para prestar esclarecimentos, principalmente, sobre os problemas causados em decorrência das fortes chuvas nos meses de janeiro e fevereiro deste ano.

A população lotou o Plenário para ouvir o chefe do Executivo. Segundo o prefeito, foram cerca de 100 milímetros de chuva em menos de meia hora.

“Não há como o sistema hídrico de uma cidade dar conta de tanta água”, argumentou. Para amenizar os problemas ocasionados pela intensa precipitação importantes obras estão sendo desenvolvidas na cidade. Conforme Lauermann, o desassoreamento dos cursos de águas de todas as regiões, a partir dos pontos mais críticos, deve ser realizado em até 90 dias.

O prefeito elencou outras ações fundamentais para o Município, como a limpeza e desocupação das margens dos arroios e um estudo de bacias junto ao Comitê Sinos para elaborar o primeiro mapa hídrico da cidade e implementar bacias de contenção. “Novo Hamburgo recebe águas de várias cidades vizinhas. É preciso uma ação para dar a elas um destino certo”, falou. O prefeito disse, ainda, que estão exigindo às construtoras um projeto de reservação adequada das águas, a cada nova obra. Segundo ele, a ocupação irregular da cidade, trazida pelo desenvolvimento econômico, também é um problema que precisa ser resolvido. “A notificação já estamos fazendo”, frisou.

Lauermann ressaltou que obras importantes no Arroio Pampa estão em andamento e prometeu ações permanentes de desassoreamento. Também citou como ações realizadas pelo Executivo o desentupimento da rede pluvial e o concerto de bocas de lobos. “Vamos continuar buscando recursos junto ao governo estadual e federal para obras de macrodrenagem”, disse. O prefeito lembrou ainda a reforma da casa de bombas da Santa Afonso. “A população sabe como a reforma mudou o cenário de alagamentos do entorno”.

Ele anunciou também a verba de R$ 26 milhões – recurso que será utilizado em obras de pavimentação e recapeamento asfáltico ainda nesse ano. “Melhorará muito a qualidade de vidas das pessoas”. O chefe do Executivo lembrou que Novo Hamburgo tem um dos maiores índices de pavimentação do Estado.

Informações de cm

FOTO: reprodução / cmnh

 

Compartilhar

Falta de energia no temporal de 31 de janeiro será debatida nesta quarta

Avançar »

Tarso admite que seu governo “está devendo”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*