• Visualizações 465

Presença da Policia federal em investigação da morte de cinegrafista é exigida por Dilma

Dilma diz que a aplicação desta punição deve ser cabível aos que forem responsáveis pelo o que aconteceu ao comunicador. Santiago Andrade teve morte cerebral confirmada no início desta tarde.

Da Redação (redacao@novohamburgo.org) (Siga no Twitter) 

Nesta segunda-feira, dia10, apresidente Dilma Rousseff determinou que as investigações da morte do cinegrafista da TV Bandeirantes Santiago Ilídio Andrade sejam apoiadas pela policia Federal. Dilma diz que a aplicação desta punição deve ser cabível aos que forem responsáveis pelo o que aconteceu ao comunicador.

A presidente ainda destacou que acha inadimissivel o que houve. “protestos democráticos serem desvirtuados por quem não tem respeito por vidas humanas”, ressaltou Dilma. Em sua conta na rede social “Twitter” explanou o que pensa sobre o caso. “A liberdade de manifestação é um princípio fundamental da democracia e jamais pode ser usada para matar, ferir, agredir e ameaçar vidas humanas, nem depredar patrimônio público ou privado”, salientou a presidente em sua conta.

Santiago Andrade teve morte cerebral confirmada no início desta tarde, ele havia sido atingido por um rojão durante manifestação na última quinta-feira, dia 06.

Informações de CP

Foto: Reprodução / fabiocampana.com.br

Compartilhar

Votação aberta definirá possível cassação de Donadon

Avançar »

Câmara abre CPI para investigar AES Sul

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*