• Visualizações 507

Renan Calheiros se hospeda em spa de luxo em Gramado

Alheio a protestos, presidente do Senado passou Carnaval longe de Brasília. Uma semana no spa em que o presidente do Senado descansa não sai por menos de R$ 16,5 mil para um casal.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Alvo de protestos em todo o país desde que foi anunciada sua intenção de voltar ao comando do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) aproveitou a semana de Carnaval para descansar em um spa na serra gaúcha. Desde a última quinta-feira, ele está hospedado em Gramado, onde deve permanecer até o próximo sábado. No retorno a Brasília, ele deve enfrentar novos protestos.

Uma semana no spa em que o presidente do Senado descansa não sai por menos de R$ 16,5 mil para um casal. O local, frequentado por empresários, políticos e celebridades, oferece pacotes anti-estresse, de emagrecimento, de rejuvenescimento e antitabagismo, entre outros.

No último sábado, enquanto Calheiros aproveitava o atendimento vip do local, um grupo de manifestantes fechou parte da venida Paulista em São Paulo. A manifestação organizada pelas redes sociais pedia a cassação do senador alagoano. Aos gritos de “Fora Renan”, os manifestantes pediam que o presidente do Senado sofra um processo de impeachment. Novo ato deve ocorrer no Museu de Arte de São Paulo no próximo dia 23.

Em 2007, Calheiros teve que deixar a presidência da Casa, sob suspeita de ter contas pessoais pagas por um lobista. Ele é acusado pela Procuradoria-geral da República de peculato, falsidade ideológica e utilização de documentos falsos.

A denúncia foi encaminhada ao Supremo. Um abaixo-assinado pedindo o impeachmet de Calheiros que circula na Internet já obteve a adesão de mais de 1,3 milhão de pessoas. Embora não tenha valor legal, pode dar origem a um projeto de iniciativa popular.

Informações de Correio do Povo

FOTO: Geraldo Magela / Agência Senado

Compartilhar

Justiça da Suiça deve apresentar ação contra Paulo Maluf

Avançar »

1,5 milhão assinam petição contra Renan Calheiros

Um comentário

  1. moacir scopel giacoelli
    16 de fevereiro de 2013

    O povo ainda nao entendeu que nao adianta protestar. Esta mafia ja tomou conta do pais e faz o que bem entende.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical