Governo estuda aumentar em até 35% tarifas para “importações desnecessárias”