Declarações polêmicas de Nelson Jobim põem seu cargo em risco

Possível demissão do ministro da Defesa após comentários contrários ao governo de Dilma Rousseff é especulada em Brasília.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Após as críticas do ministro da Defesa, Nelson Jobim (foto), ao Governo Dilma em entrevista a revista Piauí, que chega às bancas nesta sexta-feira, dia 05, sua demissão deve ocorrer ainda nesta quinta, 04, segundo informa o colunista do jornal O Globo, Jorge Bastos Moreno, pelo Twitter.

“Dilma, que havia adiado a saída de Jobim, não vai esperar mais ministro pedir demissão. Deve demití-lo até o fim do dia”, disse Moreno no microblog. Na revista, Jobim fala ainda sobre a ministra da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, dizendo que é “muito fraquinha” e que a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, “nem sequer conhece Brasília”. O ministro, no entanto, negou em Tabatinga, no Amazonas, ter criticado as ministras, segundo informou a assessoria de comunicação da pasta, em texto publicado no site do ministério. Segundo ele, as notícias veiculadas na imprensa são como ‘parte de um jogo de intrigas’ e uma tentativa de desestabilizá-lo.

Nelson Jobim está no Amazonas para a criação de um plano de segurança de fronteiras em conjunto com a Colômbia e deve retornar a Brasília no final da tarde, segundo a assessoria do Ministério da Defesa. Se confirmada a demissão, Jobim será o terceiro ministro a perder o cargo em pouco mais de sete meses do mandato de Dilma Rousseff.

Com informações de G1

FOTO: divulgação

Compartilhar

Medida provisória que corrige tabela do Imposto de Renda é aprovada pelo Senado

Avançar »

Jobim cai e Celso Amorim é o novo ministro da Defesa

sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*