Bancada do novo Partido Social Democrático já é maior que as de legendas como PDT e PSB

Manifesto de fundação do partido não define cunho ideológico, destacando valores como liberdade de opinião e livre iniciativa.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O Partido Social Democrático – PSD nasce com 32 deputados federais, uma bancada maior que a de legendas históricas como PDT e PSB e com apenas duas cadeiras a menos que o DEM, partido de origem de seu idealizador, o prefeito de São Paulo Gilberto Kassab.

O ato de fundação, primeiro passo exigido pela lei para a criação de um partido, foi realizado na quarta-feira, dia 13. Sem cunho ideológico definido, o manifesto de fundação do partido destaca valores como “liberdade de opinião, liberdade de empreender”, tendo a “democracia como mecanismo político” e a “livre iniciativa como instrumento econômico”.

“O PSD nasce com identidade própria, idéias claras, tendo um denominador comum: todos os seus integrantes defendem as liberdades individuais, a liberdade de imprensa e a economia de mercado”, afirmou Kassab (foto).

Ecoando o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso – para quem o PSDB não deve mais disputar os movimentos sociais e o “povão” com o PT, para se concentrar na nova classe média -, a senadora Kátia Abreu (TO), de saída do DEM, afirmou que o PSD surge para “dar voz” à classe média.

Informações de portal R7 e Agência Brasil

FOTO: reprodução / diariomotorsport

Compartilhar

Ida às urnas para decidir sobre desarmamento é indicada para outubro

Avançar »

Governo Dilma liberou 0,25% da verba do PAC desde o início do mandato

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*