• Visualizações 497

Rússia se compromete a proteger e destruir arsenal químico da Síria

Conselho de Segurança da ONU se debruça sobre uma resolução relativa a um acordo sobre armas químicas que seja aceito pela Rússia e nações ocidentais.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Os locais de estão armazenadas armas químicas da Síria poderão ser vigiados e destruídos pela Rússia, mas o país não enviará nenhuma dessas armas para serem destruídas em seu território. É o que afirmou o vice-ministro de Relações Exteriores russo, Sergei Ryabkov, nesta quinta-feira, dia 26.

A declaração foi feita enquanto o Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas – ONU se debruça sobre uma resolução relativa a um acordo sobre armas químicas que seja aceito pela Rússia e nações ocidentais. Também nesta quinta, um funcionário americano afirmou que o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e seu colega chinês, Wang Yi, estão de acordo sobre a necessidade de uma resolução vinculante do Conselho de Segurança da ONU para o desarmamento de armas químicas da Síria.

Informações de Reuters e portal G1

FOTO: ilustrativa / womenundersiegeproject.org

Compartilhar

Ativistas do Greenpeace são transferidos para prisões da Rússia

Avançar »

Temperatura na Terra pode subir quase 5°C no século XXI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*