• Visualizações 495

Papa se despede de fiéis através do Twitter

Bento XVI, de 85 anos, assumiu o cargo em 2005. O último papa que renunciou o cargo foi Gregório XII, no ano de 1415. O Vaticano irá proibir o uso do Twitter durante o período de escolha do novo papa.

Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Nesta quarta-feira, dia 27, o papa Bento XVI publicou sua última mensagem no Twitter.

“Queria que cada um sentisse a alegria de ser cristão, de ser amado por Deus, que entregou o Seu Filho por nós”, escreveu ele depois de realizar uma audiência geral na Praça de São Pedro, no Vaticano.

O recado que foi postado por volta das 08h no horário de Brasília, já foi republicado mais de 5.500 vezes.  Ao todo, o papa supera 2,5 milhões de seguidores distribuídos em oito contas diferentes da rede social. De acordo com a rádio do Vaticano, a conta de Bento XVI, a  @pontifex, deverá ser fechada logo após ele deixar o cargo na próxima quinta-feira, dia 28.

O Vaticano irá proibir o uso do Twitter durante o período de escolha do novo papa – data que não possui previsão para isso acontecer. O motivo é evitar o vazamento de eventuais informações. Dos 117 cardeais que podem votar voto, nove utilizam a rede social, incluindo o brasileiro Dom Odilo Scherer (@DomOdiloScherer).

Segundo o porta-voz  do Vaticano, Federico Lombardi, o novo Papa será escolhido até à Páscoa, dia 31 de março,

Informações de Info / sicnoticias.sapo.pt

FOTO: reprodução / arqrio.org

Compartilhar

Balão de ar quente cai no sul do Egito e mata 19

Avançar »

Coreia do Norte culpa EUA por tensão na península

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*