Encontrada segunda caixa-preta do avião da Air France

Equipamento contém gravações de voz da cabine do Airbus A 330 que partiu do Rio  em 2009, caiu no mar e matou 228 pessoas.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

As autoridades francesas deram mais um passo em direção à solução do mistério que ronda a queda de um avião da Air France que fazia a rota Rio-Paris há quase dois anos.

Leia Mais

Solução do mistério? Encontrada uma das caixas-pretas da Air France

A segunda caixa-preta do Airbus A330 que caiu no Oceano Atlântico no dia 1º de junho de 2009 foi resgatada do fundo do mar por uma equipe do Escritório de Investigações e Análises (BEA, na sigla em francês), órgão que investiga o acidente que matou 228 pessoas do vôo 447, nesta segunda-feira, dia 03.

No domingo, 1º, foi encontrada e resgatada a primeira caixa-preta. Ela registra a altitude, a velocidade, as diferentes posições do leme entre outros dados. A análise deve durar de oito a dez dias. O segundo equipamento pode ser ainda mais esclarecedor, já que contém gravações de voz da cabine do avião.

As buscas pelas caixas-pretas começaram no dia 25 de abril, na área onde foram localizados os destroços da aeronave. O BEA considera que uma falha nas sondas (sensores de velocidade) Pitot do fabricante francês Thales foi um dos fatores do acidente, mas explica que só terá a explicação definitiva da tragédia com os equipamentos em mãos.

Informações de portal G1

FOTO: Johann Peschel / BEA / AP

Compartilhar

Corpo de Osama Bin Laden foi jogado no mar, conforme imprensa americana

Avançar »

Que caverna, que nada! Nos últimos cinco ou seis anos, Bin Laden esteve na casa onde morreu

Um comentário

  1. Manoel Fernand
    5 de maio de 2011

    Eu fico me perguntando porque não usaram essa tecnologia para encontrar os destroços desse avião na época em que ele caiu no oceano.
    Será que os seres humanos que estavam naquela aeronave não merecia nenhum tipo de respeito, e/ou os familiares dos mesmos.
    Isso, nos revoltam, e pelo que vejo é que sempre o poder econômico que prevalece e as pessoas mais uma vez fica no último plano. É uma vergonha…

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical