Fórmula 1: GP do Japão pode ter grid formado por numerações dos carros

A tempestade que caiu na tarde deste sábado, 09, em Suzuka, no Japão, adiou o treino classificatório para a corrida deste domingo, 10. A nova tomada de tempo está marcada para apenas cinco horas antes do inicio GP do Japão.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Neste sábado, 09, uma tempestade impediu a realização do treino classificatório para o GP do Japão.

Com o cancelamento a Federação Internacional de Automobilismo (FIA), agendou uma nova seção de treinos para a manhã deste domingo (em Suzuka). A largada do GP do Japão será apenas cinco horas após a classificação.

Caso a chuva volte a atrapalhar a tomada de tempo, o grid de largada seria formado pela numeração dos carros, de acordo com o artigo 36.2 do regulamento esportivo. O artigo 36.2 diz que, em caso de mais de um piloto não marcar tempo, o grid de largada será decidido na ordem destes critérios: por quem abrir uma volta cronometrada, quem falhar em abrir uma volta cronometrada e quem falhar em sair dos boxes. Em caso de nenhum carro conseguir sair dos boxes, por motivos diversos, a numeração da temporada definirá a ordem na largada.

Neste caso, teríamos um grid de largada muito bom para o campeonato e para os amantes do automobilismo, já que os líderes da temporada 2010 estariam largando no meio do pelotão.

Confira como ficaria os postulantes ao título no grid de largada, se o treino não for realizado:

1 – Jenson Button (McLaren)

2 – Lewis Hamilton (McLaren)

3 – Michael Schumacher (Mercedes)

4 – Nico Rosberg (Mercedes)

5 – Sebastian Vettel (RBR)

6 – Mark Webber (RBR)

7 – Felipe Massa (Ferrari)

8 – Fernando Alonso (Ferrari)

Rubens Barrichello (Williams) sairia em nono, Bruno Senna (Hispania) em 20º, mesmo usando o carro de número 21, já que o 13 não é usado na F1, e Lucas di Grassi (VRT) em 24º.

Rubinho, que é presidente da Associação dos Pilotos da Fórmula 1 (GPDA), confirmou que esta regra seria aplicada. No entanto, o tempo deve melhorar para o domingo, em Suzuka, o que afastaria a hipótese da esdrúxula regra ser aplicada no grid de largada do GP do Japão.

FOTO: reprodução / EFE

Compartilhar

Brasileirão 2010: Grêmio enfrenta o Vasco de olho no G3

Avançar »

Brasileirão 2010: Imortal empata no fim

sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*