• Visualizações 959

Avião cai na Líbia, mais de 100 morrem e só menino de 10 anos sobrevive

Acidente ocorreu nesta quarta-feira na capital do país africano. Segundo agências de notícias, 104 pessoas estavam a bordo. Único sobrevivente holandês não corre risco.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Sorte, destino, milagre… Seja lá qual for a explicação, o certo é que um menino holandês “nasceu de novo” nesta quarta-feira, dia 12, na Líbia.

Um avião caiu em Trípoli, capital do país do norte da África, e mais de 100 pessoas morreram. Somente a criança teria sobrevivido. Segundo a agência de notícias Reuters, o ministro dos Transportes líbio, Mohammed Ali Zaidan, disse que o garoto de 10 anos estaria no hospital fora de perigo. Há controversas sobre a idade da criança.

Trata-se de um avião Airbus A330 operado pela companhia líbia Afriqiyah Airways e teria 104 pessoas a bordo. Caiu na região do aeroporto de Trípoli. O voo 771, que partiu de Johannesburgo, na África do Sul, “teve um acidente durante a aterrissagem no Aeroporto Internacional de Tripoli às 4h UTC (6 horas em Trípoli, 1 hora em Brasília)”, informa um comunicado da empresa na Internet.

O comunicado diz que “não há informações sobre possíveis vítimas ou sobreviventes”. Autoridades afirmam que são remotas as chances de alguém mais ter sobrevivido. Já as agências de notícias se contradizem: segundo a Associated Press, que cita o ministro dos transportes Mohammed Ali Zaidan, 96 pessoas morreram. Já a Reuters confirma 103 mortos e a France Press notícia que “mais de 100 pessoas morreram”.

A companhia aérea informou que o Airbus A330 transportava 93 passageiros e 11 tripulantes, e que as autoridades competentes realizavam a missão de busca e salvamento. O ministro dos Transportes líbio descartou a hipótese de o acidente aéreo ter sido provocado por um atentado. “Descartamos de forma definitiva a hipótese de que o acidente seja resultado de um ato terrorista.”

HOLANDESES – O primeiro-ministro holandês, Jan Peter Balkenende, disse em uma entrevista para a imprensa que foi televiosionada que “muitos holandeses” estavam no avião que caiu. Mais tarde, foi informado que 61 cidadãos da Holanda morreram e um menino, cuja idade ainda não foi confirmada, seria mesmo o único sobrevivente. Havia dois grupos de turistas a bordo, com dois garotos, de 9 e 11 anos.

Informações

A Afriqiyah Airways fornece dois números de telefones para que familiares possam buscar informações: 0213341181 (na Líbia) e +442033552737 (ligação internacional). A Airbus também se manifestou: “A Airbus fornecerá assistência técnica total para as autoridades responsáveis pela investigação do acidente com o Bureau d’Enquête et d’Analyse (BEA)”.

Informações das agências de notícias Efe, France Presse e Reuters

FOTO: Abdel Meguid al-Fergany / AP

Compartilhar

Tornados deixam cinco mortos e cinqüenta feridos nos EUA

Avançar »

Sobrevivente de acidente aéreo da Líbia é holandês de 9 anos

2 comentários

  1. KITKARSON
    17 de setembro de 2010

    VIRUS IMFORMÁTICO FOI O CAUSADOR DO ACIDENTE E REALIZADO POR UM SATÉLITE MILITAR EM EXPERIENCIA DE SEU FUNCIONAMENTE QUE DEU RESULTADO POSITIVO NO ABATE DE AVIOES OU OBEJECTOS VOADORES

    Responder
  2. KITKARSON
    17 de setembro de 2010

    AVÃO FOI ABATIDO POR SATELITE MILITAR QUE PROVOCOU FALHA TÉCNICA E ELECTRICA NO APARELHO E NÃO SE SABE QUAL FOI O PAÍS CULPADO DE UMA EXPERIÉNCIA COM OBJECTOS VOADORES E NO ESPAÇO

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*