Gol em 2011 inspira Vargas a repetir história de carrasco do Huachipato

Atacante chileno marcou na casa do rival tricolor desta quinta-feira, dia 18, quando ainda era jogador da La U. O jogo era válido pelo Apertura do Campeonato Chileno.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Vanderlei Luxemburgo quer um time marcador, mas, ao mesmo tempo, capaz de, num lance isolado em velocidade, decidir a partida que vale vaga às oitavas da Libertadores, na noite desta quinta-feira, dia 18.

Para isso, poderia adicionar na sua didática o gol de Eduardo Vargas sobre o mesmo Huachipato, inclusive na casa do rival que receberá o Grêmio a partir das 22 horas.

A partida ocorreu em 7 de maio de 2011, estádio do CAP, em Talcahuano, válido pelo Apertura do Campeonato Chileno. Veloz, Vargas atalhou na trilha deixada às costas dos desavisados zagueiros do Huachipato para aproveitar preciso lançamento em profundidade.

O chileno dominou e deu um leve toque na saída do goleiro. Venceria o confronto por 3 a 1. Até hoje, quando perguntado, não se esquece, “Sim, sim, lembro. Encontrei o espaço vazio e finalizei de canhota.”

O próprio Vargas admitiu ser a grande aposta de Luxa para fazer a estratégia funcionar. Seus passos apressados, somado à experiência no futebol chileno e à boa fama de pé-quente contra o Huachipato, fazem do atacante um trunfo de peso.

“Não há segredo de se jogar aqui. Sei que Luxemburgo está apostando no contra-ataque, com a velocidade que temos. Estou com muita vontade de fazer uma grande partida”, confidencia.

Informações de globoesporte.com

FOTO: reprodução / globoesporte.com

Compartilhar

Há poucos dias da disputa contra Huachipato, Grêmio treinará em duas cidades chilenas

Avançar »

Luigi cogita Inter x Juventude no Estádio do Vale

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*