Giovanni Luigi assumirá comando novamente e planeja mudanças para o Internacional

Com dificuldades, principalmente envolvendo o Beira-Rio, a diretoria se baseia em voltar a focar no futebol, na busca por títulos no biênio 2013-2014.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Reeleita nesta quinta-feira, dia 09, para comandar o Internacional pelos próximos dois anos, a diretoria da gestão de Giovanni Luigi tem uma visão crítica das últimas temporadas.

Com dificuldades, principalmente envolvendo o Beira-Rio, em relação à assinatura de contrato com a construtora Andrade Gutierrez e questões jurídicas, o discurso se baseia em voltar a focar no futebol, na busca por títulos no biênio 2013-2014.

“Estamos trabalhando para ter todo planejamento para o ano que vem. Queremos ter todo departamento de futebol ainda em dezembro. Procura reunir o clube com todos os grupos políticos e vou trabalhar forte por isso”, disse Luigi A renovação iniciará efetivamente em dezembro, após o Brasileirão. Será quando o presidente anunciará os novos cargos de vice e diretor de futebol, função antes ocupada por Fernandão, hoje técnico.

Durante o pleito realizado nesta quinta-feira, 09, foi citado justamente o nome de Marcelo Medeiros para assumir a função. Ao ser questionado sobre a possibilidade, o futuro dirigente disse que não seria irresponsável de fazer uma afirmação dessas. “Precisamos fazer uma gestão que agregue inteligência, talento e conhecimento para enfrentarmos essas dificuldades, principalmente no futebol, setor em que deveremos ter profissionais de ponta”, disse.

Primeira mulher eleita na história do clube, Diana Raquel de Oliveira é a responsável pela reforma do Beira-Rio. E continuará à frente do projeto, respondendo pela diretoria. É certo que o estádio será fechado por pelo menos quatro meses para intensificação da reforma e troca de gramado. E isso deverá ocorrer já a partir de dezembro deste ano.

Com o estádio fechado, o clube deverá deslocar as partidas para o Complexo da Ulbra. O Beira-Rio já seria então aberto com novos vestiários e 100% das arquibancadas inferiores liberadas. O prazo para conclusão das obras é dezembro de 2013, devido à Copa do Mundo de 2014. O estádio colorado irá sediar quatro partidas. E com Giovanni Luigi como presidente do clube.

Informações de Globo Esporte

FOTO: Diego Guichard / Globo Esporte

Compartilhar

Internacional: Quem será eleito presidente?

Avançar »

Nóia contrata volante Carlos Eduardo Assmann para reforçar o time no Gauchão

Um comentário

  1. vera lima
    9 de novembro de 2012

    O nome da esposa dele é Helena?

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*