Kiss: Justiça arquiva processo contra prefeito de Santa Maria

Cezar Schirmer não vai responder por homicídio culposo no caso Kiss. Incêndio na boate em 27 de janeiro foi responsável por 242 mortes.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O processo criminal contra o prefeito de Santa Maria, Cezar Schirmer, no caso da boate Kiss foi arquivado. A decisão partiu da 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça na manhã desta quinta-feira, dia 18.

O inquérito policial foi enviado ao Tribunal de Justiça por ter foro privilegiado. Desta forma, o prefeito não vai responder por homicídio culposo pela morte de 242 pessoas em decorrência do incêndio do dia 27 de janeiro.

Conclusões da investigação

– O vocalista segurou um artefato pirotécnico aceso no palco
– As faíscas atingiram a espuma do teto e deram início ao fogo
– O extintor de incêndio do lado do palco não funcionou
– A Kiss apresentava uma série das irregularidades quanto aos alvarás
– Havia superlotação no dia da tragédia, com no mínimo 864 pessoas
– A espuma utilizada para isolamento acústico era inadequada e irregular
– As grades de contenção (guarda-corpos) obstruíram a saída de vítimas
– A casa noturna tinha apenas uma porta de entrada e saída
– Não havia rotas adequadas e sinalizadas de saída em casos de emergência
– As portas tinham menos unidades de passagem do que o necessário
– Não havia exaustão de ar adequada, pois as janelas estavam obstruídas

Informações de Portal G1

FOTO: reprodução / rbs

Compartilhar

EPTC aciona Ministério Público contra rodoviários paralisados

Avançar »

Ingressos para a Copa de 2014 em Porto Alegre podem chegar até R$440

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*