Estado comunica que devolverá estradas ao Governo Federal em 2013

Controle dos quase 1,2 mil quilômetros de estradas federais serão concedidos à iniciativa privada, para o governo federal a partir de 2013.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Nesta terça-feira, dia 19, em Brasília, os secretários Carlos Pestana, da Casa Civil, e Beto Albuquerque (foto), de Infraestrutura, e o ministro dos Transportes, Paulo Passos, definiram que o Estado vai devolver o controle dos quase 1,2 mil quilômetros de estradas federais que estavam sob seu controle, mas concedidas à iniciativa privada, para o Governo Federal a partir de 2013.

De acordo com Beto Albuquerque, esse “é um erro que está sendo reparado”. A União se comprometeu a fazer um programa de manutenção das estradas, sem a cobrança de pedágio. Entre as rodovias que serão devolvidas ao governo federal estão as BRs-386, 116 e 290.

Carlos Pestana e Beto Albuquerque explicaram ao ministro que com a criação da Empresa Gaúcha de Rodovias – EGR, os pedágios nas estradas estaduais serão transformados em comunitários ao final dos atuais contratos de concessão, no próximo ano.

As rodovias federais estavam sob o controle do Estado desde o governo Britto, em 1996. O acordo tornou viável do governo estadual de implantar pedágios para recuperar as estradas. Em 1998, as primeiras praças começaram a cobrança.

Informações de Zero Hora

FOTO: ilustrativa / rgc

Compartilhar

Após chuva intensa no Estado, semana inicia com sol na maioria das regiões

Avançar »

Exportações do Rio Grande do Sul recuam mais de 500 milhões de dólares em 2012

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*