Torres registra o dia mais quente de maio nos últimos 15 anos

Temperatura de 33,5ºC ficou perto de igualar o recorde do último século, que foi de 33,8ºC no dia 02 de maio de 1997.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A temperatura no Rio Grande do Sul nesta terça-feira, dia 29, ultrapassou os 30ºC pelo segundo dia consecutivo. Em Torres, os termômetros marcaram 33,5ºC, uma das mais altas temperaturas já registradas na cidade no mês de maio nos últimos 100 anos, conforme levantamento da MetSul com apoio do Oitavo Distrito de Meteorologia.

Outros municípios que também registraram tardes de calor foram Santa Rosa (32,6ºC), Campo Bom (31,9ºC), Teutônia (31,8ºC), Santa Cruz do Sul (31,6ºC), São Leopoldo (31,5ºC), Três Coroas (31,5ºC), Lajeado (31,1ºC) e São Borja (31,0ºC).

Na capital, a maior temperatura foi registrada na estação do Sistema Metroclima da Prefeitura da Avenida Sertório, zona Norte, onde a máxima marcou 31,2ºC. As demais estações do Metroclima acusaram 30,5ºC no bairro Menino Deus, 30,2ºC em Belém Novo, 30,0ºC no bairro Moinhos de Vento e 29,6ºC na Lomba do Pinheiro. No Jardim Botânico, a máxima registrada foi de 30,0ºC.

A temperatura de 33,5ºC em Torres ficou perto de igualar o recorde do último século, que foi de 33,8ºC de 02 de maio de 1997. Foi o dia mais quente dos últimos 15 anos em maio no município. Na série histórica 1913-1948 o maior registro para o mês tinha sido de 29,2ºC em 1948. Já na série 1961-1990 a máxima absoluta para maio em Torres foi de 31,6ºC em 29 de maio de 1970.

O forte aquecimento decorreu da atuação de uma corrente de vento em baixos níveis da atmosfera, a cerca de 1500 metros de altitude, que trouxe ar muito quente de Norte para o Estado, explicam os meteorologistas da MetSul.

O fato de Torres ter registrado máxima tão alta é consequência da trajetória do vento e do relevo da região. Muito raramente as máximas superam 30ºC na estação do Inmet no balneário mesmo no verão.

“Com a corrente de jato, o balneário sofreu a ação de vento de Oeste a Norte, seco e quente, que passou sobre os Campos de Cima da Serra e desce em direção ao Litoral”, destaca o meteorologista Luiz Fernando Nachtigall.

A máxima desta terça-feira, 29, de 33,5ºC em Torres foi atingida entre às 14 e 15 horas, quando o vento era de Noroeste a Norte no balenário. Exatamente às 15horas já tinha caído para 26,3ºC na estação do Instituto Nacional de Meteorologia, uma vez que o vento tinha virado para Leste, logo trazendo a parcela de ar mais frio e úmido que vem do mar.

Informações de Correio do Povo

FOTO:  Marcelo Nitschke / Metsul

Compartilhar

Índios ocupam prédio de secretaria no RS para cobrar atenção à saúde

Avançar »

SICC 2013 já está marcado para 27 a 29 de maio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*