Índios ocupam prédio de secretaria no RS para cobrar atenção à saúde

Grupo também bloqueou o tráfego de veículos em pelo menos cinco rodovias, duas federais e três estaduais. Além da capital gaúcha, os índios ocuparam escritórios da Sesai no Paraná e Brasília.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Cerca de 100 índios ocupam nesta terça-feira, dia 29, a sede da Secretaria Especial de Saúde Indígena – Sesai na Avenida Borges de Medeiros, no Centro de Porto Alegre. De acordo com os manifestantes, a ação ocorre devido à melhoria da saúde indígena.

Além da capital gaúcha, os índios ocuparam escritórios da Sesai no Paraná. O grupo também bloqueou o tráfego de veículos em pelo menos cinco rodovias, sendo duas federais. O trânsito está interrompido no km 2 da BR-386, entre as cidades de Iraí (RS) e Chapecó (SC) , e na BR-285, na região de Mato Castelhano, no Norte do Estado.

O protesto também ocorre no km 46 da RS-324, em Ronda Alta, no km 30 da RS-480, em São Valentim, e no km 30 da ERS-343, em Cacique Doble. “O movimento é forte e acontece no estado inteiro. Estamos ocupando a secretaria porque não cumpriram o acordo para melhorias da saúde do nosso povo indígena. Vamos ficar aqui até que o governo nos dê uma resposta”, afirmou Álvaro de Paula, responsável pela mobilização em Porto Alegre.

As manifestações, segundo Álvaro, também ocorrem nos municípios de Tenente Portela, Nonoai e Erval Grande. Em Brasília, os indígenas também ocuparam parte do prédio do Ministério da Saúde.

Informações de G1

FOTO: Tiago Guedes / RBS TV

Compartilhar

Seca castiga Estado e Corsan mantém horário de racionamento de água em Vacaria

Avançar »

Torres registra o dia mais quente de maio nos últimos 15 anos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*