Vídeo mostra suposta agressão de professor em Passo Fundo

VEJA VÍDEO! Mãe de estudante de 11 anos que aparece sendo empurrada em gravação registrou boletim de ocorrência. Professor deve ficar afastado do cargo até o fim das investigações.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Alunos da 5ª série de uma escola de Passo Fundo, interior do Estado, filmaram o momento em que um professor, aparentemente nervoso, agride uma aluna.

A gravação foi feita na manhã da última quarta-feira, dia 13, na Escola Estadual Anna Luísa Ferrão Teixeira. A menina que na imagem é empurrada pelo professor tem 11 anos e afirma que ele ficou irritado após uma colega dizer que iria fazer reclamação na direção da escola. De acordo com ela, o educador de ciências naturais estava incomodado com a bagunça dos alunos.

A garota declarou que estava se dirigindo ao lixo no momento em que a colega falou que iria à direção e que o professor teria achado que era ela. “Ele já estava aflito por causa da turma e pegou o primeiro que viu pela frente. Era eu quem estava mais perto”, disse.

O vídeo foi feito escondido no celular de um aluno. Segundo a menina, após o incidente o professor ficou em frente à porta da sala de aula para que ninguém saísse. “Ele disse que minha mãe não me dava educação”, acrescentou a estudante.

A mãe da aluna, Rosali Facco, 38, registrou ocorrência na Polícia e afirmou que a menina já havia sido agredida pelo professor em outras ocasiões. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente. A direção da escola não quis se manifestar.

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Educação afirmou que irá abrir uma sindicância para avaliar a conduta do professor. Até o fim das investigações, o professor deve ficar afastado da função.

[nh]xPqRuB_0SJ8[/nh]

Informações de Bol

FOTO: reprodução

Compartilhar

Queda nas temperaturas e chuva marcam fim de semana no RS

Avançar »

Chuva supera média de abril em 10 cidades em 24 horas

22 comentários

  1. marcelo
    14 de abril de 2011

    SUPOSTA?? COMO ASSIM A AGRESSÃO DELE É VISIVEL, SE ESTAVA DESIQUILIBRADO ELE Q SAISSE DA SALA, JA NÃO SE FAZEM MAIS PROFESSORES COM A MOR A PROFISSÃO!!!

    Responder
  2. terezinha
    14 de abril de 2011

    ESSA MAE É QUE DEVERIA SER PROCESSADA COITADA DO PROFESSOR COM CERTEZA ESTAVA NO ULTIMO DOS ESTRESSE, OS JOVENS DE HOJE NÃO RESPEITAM MAIS SEUS PROFESSORES!!

    Responder
  3. BEA
    14 de abril de 2011

    Se minha filha não esta respeitando um professor ele q venha falar comigo, se tocar nela, apanha de mim!!!

    Responder
  4. su
    14 de abril de 2011

    professor não é baba, cuidador, e muito menos palhaço… educação vem de casa o que não acontece e muitos pais não sabem o que fazer para que as crianças respeitem e atendam suas solicitações… então senhores PAIS escola é responsável pelo conhecimento CIENTIFICO e não para ficar pedindo silencio para cnseguir ensinar… e o pior de tudo é que acabam perdendo tempo com alunos que não querem nada com nada ao invés de conseguir ensinar os alunos q realmente querem aprender.

    MAIS UMA QUESTAO…. CELULARES SÃO PROIBIDOS NAS ESCOLAS DO RS… COMO UMA ALUNA PREVE QUE O PROFESSOR IRIA REAGIR… SINCERAMENTE ACREDITO QUE FOI UMA ARMAÇÃO, ONDE ESSAS MENINAS LEVARAM ESSE PROFESSOR AO SEU LIMITE MAXIMO PARA CONSEGUIR UMA SUPOSTA AGRESSAO

    Responder
  5. Renan
    15 de abril de 2011

    Acho que isso nao foi uma agressão, e acho que os pais nao ensinam os filhos a serem crianças educadas no colegio, porq tem crianças que fazem oq querem em sala de aula,o professor esta lá para ensinar, os alunos tinham que irem para aprender nao fazerem baderna…

    Responder
  6. 15 de abril de 2011

    Se é proibido o uso de celular em sala de aula no RS, o que estes alunos estavam fazendo com celular em sala de aula? Acredito que o professor foi vìtima de uma grande armação, pois o vídeo não mostra o que antecedeu antes do fato. O que estes alunos aprontaram até a filmagem? Quais foram as agressões sofridas pelo professor? Onde estão os país destes adolescentes que delegam a educação de seus filhos aos professores? E que ainda se sentem no direito de processar o mesmo quando exige disciplina, sendo que esta deveria vir de casa. Queridos pais que monstros vocês estão criando, e achando que estão criando filhos exemplares,o que vocês esperam deles na sociedade?

    Responder
  7. simone
    15 de abril de 2011

    Acho que a culpa e dos alunos,os professores estao stressados com o desrespeito e falta de educacao dos alunos.Hoje em dia aluno nao vai pra escola para aprender.Deveria haver um regime mais rigido para controlar o desrespeito com aqueles que estao na escola para nos ensinar.

    Responder
  8. LIA
    15 de abril de 2011

    mais uma contribuição para refletir…
    OS PAIS PENSAM EM DEIXAR UM PLANETA MELHOR PARA SEUS FILHOS, QUANDO IRÃO PENSAR EM DEIXAR Filhos MELHORES PARA O PLANETA…. Precisamos sim de professores mais rigidos, não p bater empurrar mas para que os bons alunos não saiam prejudicados… por que um professor não pode pegar no braço para conter um aluno??? Por que um professor não pode olhar a mochila de um aluno??? por que as crianças não podem mais ser expulsas da escola como antigamente? estudo obrigatório…. não siguinifica que a escola esta liberada

    Responder
  9. maria
    15 de abril de 2011

    SOU PROFESSORA E NÃO CONCORDO COM MUITOS COMENTARIOAS,JA RETORNEI PARA MINHA CASA CHORANDO E NEM POR ISSO TOQUEI ME MEUS ALUNOS, JA DEI CASTIGO A ELES SIM TIPO “PROVA AMANHA” VIOLENCIA GERA VIOLENCIA NINGUEM TEM O DIREITO DE TOCAR NOS FILHOS DOS OUTROS, DOU AULA A MAIS DE 15 ANOS EM ESCOLAS PÚBLICAS E PARTICULARES, JA ME ESTRESSEI UM MONTÃO, QUANDO ISSO ACONTECE SAIO DA SALA E DIGO AOS ALUNOS QUANDO ELES FICAREM MAIS CALMOS RETORNO E SEMPRE FUNCIONAM SEMPRE ACABAM INDO ME PROCURAR, QUANDO MUITAS VEZES NÃO PEDEM DESCULPAS, ESSE PROFESSOR AI NO VIDEO TA FORA SI!!!

    Responder
  10. FElipe
    15 de abril de 2011

    É o que essas supostas “crianças” estava fazendo em pé, xaropeando a aula! No meu tempo, a aula quem dava era o professor, agora qualquer atitude do professor é um absurdo, um crime…meu Deus -até parece que vai matar a coitadinha….Só vão pra escola pra ficar se fresqueando de saia, salto alto e batom. Se o professor tentar chamar os pais, eles nem comparecem e tá tudo bem…. Boa atitude professor, dá proxima vez dá uma boa chinelada. Assim a aborrecente aprende e o professor é afastado pra sempre!

    Responder
  11. paulo
    16 de abril de 2011

    Se os pais dessem um pouco de educacao aos filhos, fatos como este nao aconteceriam.
    Pobres professores.

    Responder
  12. 16 de abril de 2011

    Olha a idade desse professor! Cada ano o governo faz com que os professores tenham que trabalhar mais. A nova geração de professores terá que dar aula até os 80 anos…com salários baixos e tendo que aguentar essas crianças mal educadas. Observem que ninguém mostra o que acontece antes da suposta agressão…e olha a roupa de festa que essa ”criança” vai para a escola. Percebe-se de longe que essa aí boa coisa não é. Coitado desse professor…

    Responder
  13. Smeagol
    16 de abril de 2011

    Tudo isto é uma questão de lógica, se você parar para pensar um pouco verà com certeza de que tudo não passa de uma armação, os pais de hoje não são com os de antigamente, os quais educavão seus filhos coretamente, usando por meio da disciplina e educação. O professor apenas evitou de ser agredido, não vejo nenhum problema em um professor segurar uma criança mal educada e devolvela para sua respectiva classe…

    Responder
  14. Claudimir
    16 de abril de 2011

    O professor pode não ter tido a reação adequada. Mas é desse tipo de aluno que as escolas estão cheias hoje. Eles são fruto de uma geração de pais inconseqüentes, que acreditam nessa psicologia falsa e barata do não impor limites. Essa aluna provavelmente vem de uma família desestruturada. Os pais dela é que deveriam ser processados e não o pobre do professor.
    Os que condenam o professor, sugiro que vão conhecer o ambiente escolar de hoje. Santa ingenuidade!!!!

    Responder
  15. Adriana
    16 de abril de 2011

    Sou professora, já fui professora de crinaças dessa idade, 11 anos. Estou com pena desse professor. Tendo que aguentar um monte de mal-educados, que tratam o professor como lixo. Percebe-se que ele, com apagador na mão, utilizando o quadro, deve estar sendo desrespeitado o tempo todo. E esse aluno com celular já em punho, pronto pra gravar? Isso foi pura provocação, sinto muito que esse prof não tenha tido mais sangue frio pra aguentar esse bando (é, “bando”, pq crianças educadas, que respeitam o ambiente escolar não agem como um bando de animais gritando sem parar, como se estivessem na idade da pedra).

    Responder
  16. estevis veeck
    16 de abril de 2011

    ARMAÇÂO dos alunos, o professor com idade tendo que aturar molecagem, essa menina deve ser uma capeta em aula faz bagunça e não fica quieta e quer ter direitos. Professor ganha micharia e tem que aturar isso. Até parece q a mãe não conhece a filha, so quis aparecer

    Responder
  17. MAde
    17 de abril de 2011

    Por isso que a Educação não vai pra frente!
    O aluno é o mocinho e o professor é o bandido!
    Conveniente para os dominantes! Acabar com a estima do professor! Deixar essas “crinças” FUTUROS ELEITOREs comandando tudo é viavel.
    |Governo não quer cidadão consciente quer cidadão dominado! Isso pra mim sim é crime!
    As escolas estão assim: Alunos podem fazer tudo, menos, estudar com seriedade e agir como ser humano consciente. ENtram a hora que querem, faltam aulas, faltam avaliações… E a punição quem leva? Lógico o professor!

    Responder
  18. MAde
    17 de abril de 2011

    BEA… Se sua filha não respeita um professor é porque não respeita ninguém…
    FALTA DE LIMITE!
    Desculpe-me esqueci de mencionar mais um agravante. A família tambem não colabora, percebemos, pelo depoimento dessa mãe.

    Responder
  19. Anelise
    18 de abril de 2011

    Coitado do professor!
    Quem tem que ser processado sao os pais dos alunos que nao sabem educar os filhos, olha a bagunça que eles fazem na sala de aula. Tem um ditado antigo que diz: Educa seu filho, senáo a rua educa, no caso ela foi educada no lugar certo, na escola. Tenha santa paciencia máe! dá umas palmadas nessa peste da sua filha.

    Responder
  20. Clair Fontana
    18 de abril de 2011

    Hoje essa mãe foi na Delegacia denunciar o PROFESSOR, amanhã ela vai buscar a filha na delegaciaPor que mãe que apóia o desrespeito dos filhos com os professores, o que pode esperar do futuro deles

    Responder
  21. Marcio
    7 de junho de 2011

    Não houve agressão alguma. Coitado do coroa…já devia estar nas últimas da sua paciência com essa molecada que não recebe instrução em casa. Indisciplinados, mau-educados, sem sentimentos bons etc…cópias dos pais que não os educam, pois são iguais.
    Sou professor, e sei o que passo em sala de aula.

    Responder
  22. 2 de agosto de 2011

    Que horror. O que estamos fazendo do nosso Brasil. È inadmissível, que uma mãe apoie um filho ou uma filha contra alguém que está ali para ensinar. Sabemos que o sistema, vai de encontro aos mestres, onde não dá a menor condição de trabalho, onde um profissional na área de educação, o qual deveria ser respeitado e valorizado é sendo colocado como um barbaro. Que lastima que chegou o nossos jovens. Os quais o sistema transforma em adultos sem condições nenhuma de enfrentar uma sociedade. Esta mãe, está passando a mão na cabeça da filha enquanto um profissional não tem obrigação de aturar desrrespeitos e perturbações dentro de sua sala de aula. È uma vergonha, o jeito que o Brasil está e o pior, irá ficar.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*