• Visualizações 664

Mais de 22 mil clientes da CEEE estão sem luz desde terça-feira

Ventos de até 100 quilômetros por hora registrados na madrugada de terça-feira prejudicaram serviço; este é um dos cinco maiores transtornos da CEEE na história.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O número de clientes sem luz no Rio Grande do Sul é de aproximadamente 22,7 mil nesta quinta-feira, dia 16.

Ventos de até 100km/h danificaram alimentadores da Companhia Estadual de Energia Elétrica – CEEE na terça-feira, 14, além de derrubarem galhos sobre cabos de rede de energia.

O maior problema está concentrado na Região Metropolitana. Pelo menos 8,5 mil estão sem luz em Porto Alegre, Viamão e Guaíba. Já em Pelotas, no Sul do Estado, o número chega a 7,5 mil.

Na região de Camaquã, são 6,7 mil clientes prejudicados divididos entre as cidades de São Lourenço do Sul e Tapes, a maior parte na zona rural. Em Rio Grande, a situação está normalizada.

Na quarta-feira, 15, o atendimento por telefone da CEEE ficou congestionado. Nesta quinta-feira, da meia-noite às 7h, foram recebidos 1.521 chamados. O serviço na área de concessão da Rio Grande Energia – RGE já foi normalizado na noite de quarta, assim como o da AES Sul.

O vendaval que assolou o Estado, desde Rio Grande até a Região Metropolitana, gerou um dos cinco maiores transtornos da história para os clientes da CEEE Distribuição, segundo informou a concessionária.

Eventos climáticos de proporção semelhante só haviam sido registrados em 03 de maio de 2008 (concentrado em Porto Alegre), 28 e 29 de janeiro de 2008 (na região Sul), 19 de novembro de 2010 (em todo o Estado, com problemas mais graves na região Centro-Sul) e em 11 de outubro de 2001, quando um tornado atingiu Águas Claras, em Viamão.

Informações de Correio do Povo

FOTO: ilustrativa / stock.xchng

Compartilhar

Eleições 2010: Tarso amplia vantagem, Fogaça cai, Yeda cresce

Avançar »

Fim de semana para se despedir do inverno

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*