• Visualizações 599

Trabalhador negro recebe salário 6,1% menor que de um não negro, conclui Dieese

Desvantagem registrada e? pouco influenciada pela regia?o analisada, horas trabalhadas ou setor de atividade da economia.

Da Redação (redacao@novohamburgo.org) Siga no Twitter

Um trabalhador negro recebe em média um salário 36,1% menor que o de um não negro, independentemente da região onde mora ou de sua escolaridade, concluiu pesquisa divulgada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos – Dieese nesta quarta-feira, dia 13.

De acordo com a pesquisa, Os negros nos mercados de trabalho metropolitanos, a diferença salarial e de oportunidades de trabalho são ainda maiores nos cargos de chefia. O estudo inclui as regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo e destaca que a desvantagem registrada entre a remunerac?a?o de negros e na?o negros e? pouco influenciada pela regia?o analisada, horas trabalhadas ou setor de atividade da economia.

A pesquisadora mostra que nas a?reas metropolitanas, os negros correspondem a 48,2% dos ocupados, mas, em me?dia, recebem por seu trabalho 63,9% do que recebem os na?o negros. A pesquisa aponta ainda que os negros se concentram em ocupações como pedreiros, serventes, pintores, caiadores e trabalhadores braçais na construção, faxineiros, lixeiros, serventes, camareiros e empregados domésticos.

Informações de portal G1

FOTO: ilustrativa / cdlcajazeiras.com.br

Compartilhar

PM cumpre reintegração de posse da reitoria da USP

Avançar »

Comemoração pelo título do Cruzeiro termina em confusão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*