Câmara de João Pessoa aprova título de “persona non grata” para Neymar

Título foi dado porque Neymar teria chamado nordestinos de “paraíbas”. Câmara de Campina Grande havia aprovado o voto de repúdio na terça.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A Câmara de Vereadores de João Pessoa aprovou na manhã desta quarta-feira, dia 24, o título de “persona non grata” para o jogador Neymar, do Santos e da seleção brasileira, após o atleta ter supostamente se referido aos jogadores do Flamengo do Piauí como “paraíbas” de maneira preconceituosa.

O caso aconteceu no jogo em que o Santos venceu o Flamengo do Piauí por 2 a 0, no dia 17, no estádio da Vila Belmiro,em Santos. O título foi aprovado por unanimidade na casa legislativa da capital. Na terça-feira, dia 23, a Câmara de Vereadores de Campina Grande aprovou um “voto de repúdio” contra o jogador, também por unanimidade, pelo mesmo motivo.

Apenas simbólico

O requerimento do parlamento municipal de Campina Grande é apenas simbólico, serve apenas para registrar indignação. Por sua vez, o título de “persona non grata” dado pela Câmara de João Pessoa, impede que o jogador possa ser eventualmente homenageado pela cidade, de acordo com regimento da Casa.

Depois do posicionamento da Câmara de Campina Grande, nesta quarta-feira foi a vez da Câmara de João Pessoa se manifestar e aprovar um título de “persona non grata” contra o atleta. Os dois documentos foram acatados por unanimidade.

Na capital, a propositura foi de autoria do vereador Djanilson da Fonseca. Ele disse que se sentiu instigado pela população, tendo em vista a repercussão negativa que a possível declaração de Neymar causou entre os pessoenses. “Sou fã do jogador. Meu filho também é fã de Neymar. Mas eu não poderia aceitar passivamente esta atitude”, explicou.

Informações de Portal G1

FOTO: reprodução / Portal G1

Compartilhar

Seca que atinge a região do semiárido é a mais forte dos últimos 50 anos

Avançar »

Cidade do interior de SP quer construir monumento maior do que o Cristo Redentor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*