Profissionais brasileiros estão mais felizes e produtivos no trabalho do que em anos anteriores, segundo pesquisa

Dados são de uma pesquisa com 16 mil profissionais de mais de 80 países. O Brasil teve alguns dos números mais positivos na comparação com outros países.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

De acordo com um estudo global da Regus, os profissionais brasileiros estão encontrando formas melhores de equilibrar a vida pessoal e o trabalho e estão mais felizes com o emprego do que em anos anteriores. 81% dos entrevistados declararam que gostam do que fazem e 83% acreditam que alcançaram mais resultados no ano passado do que no anterior.

Os dados são de uma pesquisa com 16 mil profissionais de mais de 80 países. O Brasil teve alguns dos números mais positivos na comparação com outros países e foi o que mais avançou no índice de equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, saltando 45 pontos, para 151, desde 2010.

A média global é de 124 pontos, e o Brasil perde apenas para o México, com 153 pontos. Mais de 70% dos brasileiros dizem ter acumulado funções durante o último ano, caracterizado pelo ambiente de negócios instável por causa da crise financeira. Mais da metade também diz ter passado mais tempo trabalhando em 2011 do que em 2010.

O número de brasileiros que considera que passou mais tempo longe da família na comparação entre os dois períodos é um dos menores do mundo, cerca de 15%, e metade dos profissionais se diz satisfeita com o tempo que tem para ficar em casa e cuidar de assuntos pessoais.

Esse fato pode ser explicado pela maior atenção que as empresas estão dedicando a práticas de flexibilidade: 59% dos brasileiros dizem que as companhias onde atuam estão se esforçando mais para diminuir o tempo gasto no percurso entre a casa e trabalho, o maior índice entre todos os países pesquisados.

Informações de IG

FOTO: ilustrativa / nopatio

Compartilhar

Esposa diz ter matado e esquartejado diretor da Yoki sozinha, por traição

Avançar »

Regras para financiamento da casa própria começam a valer com modifcações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*