Mortos e desaparecidos no Rio de Janeiro somam mais de 1.300 pessoas

Chuvas na região serrana fluminense transformaram Teresópolis na cidade com maior quantidade de pessoas desaparecidas: 244.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro divulgou nesta quarta-feira, dia 26, uma nova lista com os nomes de 541 pessoas desaparecidas depois das chuvas de 12 de janeiro, na região serrana fluminense.

Além dos desaparecidos, há mais de 800 mortos já confirmados. Assim, caso os desaparecidos tenham falecido, o número de mortos pode passar de 1.300 pessoas.

O maior número foi registrado na cidade de Teresópolis, com 244 pessoas desaparecidas. Nova Friburgo também tem um número grande de desaparecidos: 185 pessoas. Outros municípios com registros de desaparecimento são: Petrópolis (65 pessoas), Sumidouro (quatro), Bom Jardim e São José do Vale do Rio Preto (com duas em cada município) e Cordeiro (uma). Há ainda 38 desaparecidos cujo local de origem não foi informado.

A lista de desaparecidos pode ser consultada no site do Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro. Os registros de desaparecimentos de familiares ou conhecidos também podem ser feitos por meio de formulário na mesma página.

Informações de Agência Brasil

FOTO: reprodução / Wilson Dias-ABr

Compartilhar

Mauricio é o segundo a deixar a casa

Avançar »

Peugeot convoca picape Hoggar 2010 para recall

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*