Luís Lauermann pede que projeto de reajuste salarial seja rejeitado

Ação aprovada em primeiro turno na última terça-feira previa um aumento de 1,805% no salário do prefeito hamburguense e de 7,22% ao vice. Políticos acreditam que estarão dando um exemplo para a comunidade. 

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O prefeito de Novo Hamburgo, Luís Lauermann, pediu na última quarta-feira, dia 19 de junho, que o Projeto Lei nº 68/2013 da Câmara Municipal de Vereadores recebesse votos contrários na votação em segundo turno. A medida reajustaria seu salário em 1,805% (o que passaria de R$ 20.808.84 para R$ 21.184,43) e de 7,22% para o vice, Roque Serpa (de R$ 9.449,48 para R$ 10.131,73)

Nota oficial da prefeitura

1. No dia de hoje o prefeito Luis Lauermann e o vice, Roque Serpa, assinaram ofício endereçado à Câmara de Vereadores solicitando que não seja aprovado o reajuste que seria concedido aos salários do Prefeito e do Vice-prefeito Municipal;

2. Ambos entendem que assim estarão dando um exemplo de economia e austeridade com relação aos recursos públicos, prática que sempre foi marca pessoal do prefeito Lauermann, bem como do vice-prefeito Roque Serpa.

3. Sendo assim, o prefeito e o vice-prefeito municipal solicitam que os senhores vereadores de Novo Hamburgo atendam a vontade dos chefes do executivo e rejeitem, no dia de amanhã, o reajuste de salários que seria votado.

Novo Hamburgo, 19 de junho de 2013.

Informações de gestaosindical.com.br

FOTO: reprodução / ptsul.com.br

Compartilhar

Agência Municipal de Empregos oferece 600 vagas em aberto

Avançar »

Estudantes produzem desfile ao ar livre com roupas feitas de jornal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*