120 famílias hamburguenses recebem casas do programa “Minha Casa, Minha Vida”

Primeiro lote de entrega das novas residências contempla famílias que perderam suas casas com os deslizamentos ocorridos em abril de 2011.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Desde segunda-feira, dia 18, 120 famílias de Novo Hamburgo que vivem em vulnerabilidade social receberam um novo lar. A prefeitura, juntamente com a Caixa Econômica Federal, fez a entrega e a assinatura dos contratos das primeiras unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, no Loteamento Parque Residencial Novo Hamburgo.

Este é o primeiro lote de entrega das novas residências, que contemplará famílias que perderam suas casas com os deslizamentos ocorridos em abril de 2011 em áreas de risco do Kephas e também a população que habitava áreas irregulares na cidade.

Um novo lar representa segurança para o casal Daniel Alos, 32 anos, e Neusa de Moura, 26, além de seus dois filhos Leonardo e Milena, de 10 e 4 anos. A família morou durante 12 anos na Vila Pica-Pau, no Kephas, área atingida pelos deslizamentos em abril do ano passado.

Daniel, Neusa e seus filhos fazem parte de um grupo de 174 famílias beneficiadas durante um ano e um mês com o Bolsa Moradia. A cada 30 dias, a população removida das áreas de risco recebeu o valor de R$ 352,00 para alugar uma residência provisória. No total, até junho, foram investidos pela Administração R$ 755.877,43 para o pagamento do benefício.

Como funciona o programa

O programa Minha Casa, Minha Vida é uma iniciativa do governo federal, administrado pela Caixa, que tem transformado o sonho da casa própria em realidade para muitas famílias brasileiras. Em geral, o programa acontece em parceria com estados, municípios, empresas e entidades sem fins lucrativos.

A prefeitura precisou aderir à iniciativa para receber as residências. “Apresentamos interesse no projeto e repassamos a demanda de pessoas que seriam direcionadas às novas unidades. Dessa forma, implantamos melhorias no entorno do loteamento e transporte coletivo no local”, conta o secretário de Habitação, Jairo Peralta.

O Parque Residencial Novo Hamburgo é direcionado às famílias que possuem renda mensal de até R$ 1,6 mil. Cada unidade habitacional conta com dois dormitórios, um banheiro, sala e cozinha, distribuídos em uma área total de 42,27 metros quadrados.

Em todas as residências foram implantados sistema de saneamento básico e rede elétrica.

O custo das casas é de R$ 41 mil. Este valor é pago pelas famílias em no máximo 120 meses, de acordo com a possibilidade de renda, podendo ser de R$ 51,00 o valor mínimo de cada parcela.

Informações de Imprensa PMNH

FOTO: Renata Arteiro / PMNH

Compartilhar

Com nova sede, Agência Municipal de Empregos volta a atender pessoalmente

Avançar »

Representantes hamburguenses se preparam para participar da Francal 2012

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*