Projeto Mulheres da Paz forma 70 mulheres do bairro Santo Afonso

As agora graduadas participaram de diversos tipos de capacitação durante mais de um ano, estudando, por exemplo, técnicas de convívio.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Na véspera do Dia Internacional da Mulher, 70 participantes do projeto Mulheres da Paz se formaram no Salão Paroquial da Igreja Sagrado Coração de Jesus, no bairro Santo Afonso, em Novo Hamburgo.

A noite de 07 de março contou inclusive com toga e tapete vermelho. O projeto, vinculado ao Território de Paz, deu o cargo a estas mulheres depois de diversos tipos de capacitação, que duraram um ano e três meses. Técnicas de convívio para levar a paz e melhorar o bairro foram temas abordados.

“Aprendemos a conviver em harmonia e a ajudar as pessoas que precisam, além de conhecer todos nossos direitos e deveres”, resumiu a graduada Marli de Moura Marchiotti, 45 anos. Assim como as outras mulheres, Marli recebeu o diploma do prefeito Tarcísio Zimmermann (PT) e da coordenadora da Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres – CMulher, Fátima Fraga. A cerimônia também contou com a presença da diretora do Departamento de Enfrentamento à Violência da Secretaria de Políticas para as Mulheres do Rio Grande do Sul, Yara Stockmann.

Fátima Fraga conta que as agora graduadas são referência da população do bairro Santo Afonso, e que isso é visto no dia a dia. Vizinhos e comunidades chamam as Mulheres da Paz quando são avistadas nas ruas em dias de visitas.

Centro de Referência Viva

Mulher completa um ano

Novo Hamburgo também comemora o aniversário de um ano do Centro de Referência Viva Mulher, nesta sexta-feira, dia 09. Criado em 2011, o espaço é dedicado ao atendimento e acolhimento de mulheres vítimas de violência. O prédio possui cerca de 200m² de área total, e foi possibilitado em 2011.

O local está situado na avenida Pedro Adams Filho, 5836, Centro. A equipe de trabalho é formada por duas psicólogas, duas assistentes sociais, além de apoio jurídico cedido pelo Núcleo de Apoio aos Direitos da Mulher – Nadim, da Universidade Feevale.

Informações de Imprensa PMNH

FOTO: Robson Nunes / PMNH

Compartilhar

Pensando em partida contra o Grêmio, Nóia aproveita semana sem jogos para recuperar energias

Avançar »

Cruzeiro do Sul vence o Carnaval 2012 e comemora com desfile especial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*