Trem agora chega só em dezembro

Última previsão era de que operações do Trensurb começassem no final de outubro; primeira estação a funcionar, fora dos horários de pico, será a do Santo Afonso. .

Felipe de Oliveira felipe@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A direção da Trensurb S/A anunciou essa semana mais um adiamento no começo das operações em Novo Hamburgo, ao fazer o balanço da expansão da Linha 1. Agora, o trem só deve chegar em dezembro.

Leia Mais

Trensurb reafirma prazo de conclusão das obras de extensão e pede paciência

Acompanhe o andamento das obras

O diretor-presidente da empresa, Humberto Kasper, antecipa que as primeiras viagens serão fora do horário de pico e gratuitas. As operações normais, diz o engenheiro Nilton Coelho, do Consórcio Nova Via, que executa a obra, começam um mês depois.

Coelho garante que a previsão de conclusão dos 9,3 quilômetros de trilhos entre São Leopoldo e Novo Hamburgo está mantida: setembro de 2012. Serão cinco novas estações: Rio dos Sinos, a única em São Leopoldo, Santo Afonso, Industrial, Fenac e Novo Hamburgo.

Já são dois adiamentos recentes. A previsão inicial era de que o trem chegasse à primeira estação hamburguense, no bairro Santo Afonso (foto), em setembro. Com a confirmação da Estação Industrial, no entanto, que não estava no projeto, e de obras de saneamento no traçado, o início das operações tinha ficado para outubro.

Neste momento, a Trensurb trabalha nas desapropriações necessárias para o andamento da construção da Estação Novo Hamburgo, no Centro. O decreto que autoriza a medida foi assinado em agosto pela presidente Dilma Rousseff.

Plácido Crescente, do grupo Pensando Novo Hamburgo, recebe a notícia com resignação. “Confiamos no trabalho da Trensurb e queremos uma obra bem feita”, argumenta. “Claro que a gente não vê a hora de entrar no trem, mas para quem já esperou tanto, mais dois meses não é nada.” O grupo foi um dos articulares da mobilização que culminou com a liberação da licitação em Brasília, em 2007, depois de seis anos sob suspensão no Tribunal de Contas da União – TCU.

FOTO: Felipe de Oliveira / novohamburgo.org

Compartilhar

Programa Economia Solidária recebe novos investimentos para ajudar hamburguenses

Avançar »

Abriram as inscrições do concurso Mais Bela Negra e Mais Belo Negro

sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*