Em viagem a Brasília, prefeito negocia financiamento com Banco Interamericano de Desenvolvimento

Segundo o chefe do Executivo hamburguense, ainda são necessárias algumas etapas, mas o processo se encaminha para seu desfecho.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O financiamento entre a Prefeitura de Novo Hamburgo e o Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID poderá ser concretizado neste ano, conforme o prefeito Tarcísio Zimmermann, após reunião com a consultora do BID Márcia Casseb, em Brasília, na quarta-feira, dia 30.

A negociação prevê o investimento de US$ 22 milhões em Novo Hamburgo, em um projeto que abrange a revitalização do bairro histórico de Hamburgo Velho, a conclusão da Avenida Alcântara e a estruturação de parte da Vila Iguaçu até a Avenida dos Municípios.

“Foi uma boa reunião e ajustamos todos os cronogramas e firmamos o compromisso de trabalhar e garantir o financiamento ainda em 2011”, informou Zimmermann. Segundo o chefe do Executivo, ainda são necessárias algumas etapas, mas o processo se encaminha para seu desfecho.

Ainda em Brasília, Tarcísio e os deputados Luis Lauermann (estadual) e Ronaldo Zülke (federal), participaram de uma audiência com o secretário executivo da Secretaria de Relações Institucionais – SRI da Presidência da República, Cláudio Vignatti. Na pauta, os representantes trataram da liberação de recursos de emendas parlamentares de obras e investimentos já executados, mas que ainda não foram repassados à administrações da região.

Aproveitando o dia na Capital Federal, Tarcísio e os prefeitos de São Leopoldo, Ary Vanazzi, Gravataí, Rita Sanco, e Sapucaia do Sul, Vilmar Ballin, reuniram-se com o secretário executivo do PAC, Maurício Muniz, para tratar da vinculação de recursos para obras de mobilidade urbana na região Metropolitana.

“Em Novo Hamburgo vamos tentar recursos para fazer o corredor de ônibus de Canudos até o Centro, uma obra estimada em R$ 30 milhões”, descreveu Tarcísio. A idéia do grupo é buscar investimentos da ordem de R$ 800 milhões para projetos de transportes urbanos de toda a região, contemplando terminais de integração entre ônibus e metrô. Para isto, o governo do Estado deverá ter um papel de protagonista na questão de estruturação de um plano para as cidades da grande Porto Alegre.

Completando a agenda, Tarcísio também reiterou os pedidos de obras complementares ao projeto de ampliação do Trensurb até Novo Hamburgo. O objetivo é acrescentar o alargamento do Arroio Luiz Rau e a estação do bairro Industrial nos trabalhos que já estão em andamento. Para dar continuidade a este assunto, será agendada uma nova reunião juntamente com o Ministério do Planejamento e a Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. – Trensurb para ver as reais possibilidades desta reivindicação.

Informações de Imprensa da PMNH

FOTO: ilustrativa

Compartilhar

Prefeitura busca organizar trânsito no Centro

Avançar »

Justiça libera continuação das obras de ampliação do Hospital Municipal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*