Luz no fim do túnel: Trensurb próximo de chegar a Novo Hamburgo

Direção da Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre prevê que duas primeiras estações hambuguenses ficam prontas em 2011 e trem pode chegar já no primeiro semestre.

Felipe de Oliveira felipe@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Lá se vão 11 anos desde que os hamburguenses começaram a ouvir falar sobre a expansão da Linha 1 do Trensurb.

No meio do caminho, uma série de entraves jurídicos, até que em fevereiro de 2009 a então ministra-chefe da Casa Civil e hoje presidente Dilma Rousseff (PT) esteve no Vale do Sinos. Deu a partida nas máquinas: era o início das obras para extensão dos trilhos de São Leopoldo à Novo Hamburgo.

Leia Mais

O caminho do trem: relembre como foi a conquista para Novo Hamburgo

Acompanhe o andamento das obras

Quase dois anos depois, a ansiedade aumenta. Nessa semana, a Prefeitura de Novo Hamburgo reuniu-se com a direção da Empresa de Trens Urbanos de Novo Hamburgo – Trensurb S/A para definir a cedência de parte do estacionamento do Centro de Eventos da Fenac para o canteiro de obras dos trabalhadores do Consórcio Nova Via, que executa o projeto.

O espaço abrigará os operários, máquinas e materiais para a construção da Estação Fenac, a segunda a ser concluída na cidade, até o final de 2011, prevê a Trensurb. A primeira é a Liberdade (foto), próximo ao Estádio do Vale, do Esporte Clube Novo Hamburgo, na Avenida Primeiro de Março, que pode entrar em operação ainda no primeiro semestre desse ano. A viagem experimental ocorreu no último mês de outubro.

PROJETO – A expansão prevê mais 9,3 quilômetros de trilhos. De Porto Alegre a Novo Hamburgo, serão 43 quilômetros. O trecho é construído em via elevada e comportará quatro novas estações: Rio dos Sinos, em São Leopoldo, Liberdade, Fenac e Novo Hamburgo, em solo hamburguense. Segue em análise a construção de mais uma em Novo Hamburgo, no bairro Industrial.

O Consórcio Nova Via, composto pelas empresas Norberto Odebrecht, Andrade Gutierrez, Toniolo/Busnello e T’Trans é responsável pelos trabalhos. A conclusão total é prevista para 2012, com a estação que ficará em frente ao Bourbon Shopping. Calcula-se que pelo menos 30 mil novos usuários sejam incluídos ao sistema, considerando o benefício da tarifa integrada.

Novo momento para a

Fenac, diz Elivir Desiam

A conclusão da Estação Fenac representa um novo momento para o Centro de Eventos. Quem avalia é o presidente da Fenac S/A, Elivir Desiam (foto), o Toco, que, ao lado de seu diretor de Marketing, Cláudio Azevedo, o Fufa, participou da reunião com a Trensurb S/A.

Para Toco, as feiras serão potencializadas. “A chegada do Trensurb representará um novo momento para os eventos realizados na Fenac, tanto aqueles mais profissionais, como é o caso da Fimec e Courovisão, quanto para os eventos onde há maior participação do público, como a Festa Nacional do Calçado e o nosso mais novo evento, a Feira da Loucura por Sapatos, que terá sua primeira edição agora em março”, defende.

O presidente da Fenac conta ainda como imagina que será o novo roteiro de chegada aos eventos. “Os visitantes estrangeiros que vêm anualmente para a Fimec, por exemplo, poderão descer no aeroporto Salgado Filho, embarcar no aeromóvel até a estação do Trensurb e seguir diretamente para a Fenac, sem enfrentar o trânsito da BR 116.”

Gráfico demonstra como estava o andamento das obras em dezembro de 2010

Com informações de Imprensa Prefeitura de Novo Hamburgo

FOTOS: divulgação / Trensurb S/A

Compartilhar

Copa Unimed VS premia campeões

Avançar »

Prefeito convida secretários de Estado para a Couromoda 2011

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*