Rio dos Sinos pede socorro: índice de oxigenação é crítico

Taxa das águas localizadas entre Campo Bom e Esteio está entre 0,7 a 2,4 miligramas por litro de oxigênio, sendo que o aceitável varia entre cinco e sete miligramas por litro.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Na quinta-feira, dia 02, equipes da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente – Dema, do Batalhão da Polícia Ambiental e do Ministério Público estiveram avaliando o Rio dos Sinos, após a mortandade de peixes registrada na quarta-feira, 1º.

Leia Mais

Prefeitura de Novo Hamburgo auxilia investigação sobre nova mortandade de peixes

O resultado é alarmante: o índice de oxigenação do rio entre os municípios de Campo Bom e Esteio foi considerado crítico, com taxas entre 0,7 a 2,4 miligramas por litro de oxigênio – o aceitável varia entre cinco e sete miligramas por litro. Em Sapucaia do Sul, o nível de oxigênio chegou a 0,2 miligramas por litro.

A água das partes mais baixas do Rio dos Sinos terá de ser renovada nos próximos dias. O Ministério Público estima visualmente que foram 17 toneladas de peixes mortos.

Informações de Rádio ABC 900

FOTO: divulgação / Gustavo Henemann

Compartilhar

Município inaugura praça neste sábado

Avançar »

Acusado de chefiar assaltos a bancos com explosivos é preso por delegado hamburguense

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*