Pró-Moradia beneficiará 810 famílias de baixa renda

Serão realizadas construções e reformas de casas, além de investimentos em obras de planejamento social, saneamento básico, abastecimento de água e pavimentação asfáltica.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

O prefeito Tarcísio Zimermann, juntamente com o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Paulo Boeira, assinou o contrato do Pró-Moradia na quarta-feira, dia 1°, no Teatro Paschoal Carlos Magno, que fica no Centro Municipal de Cultura.

O documento financia mais de R$ 27 milhões que serão investidos na regularização fundiária das vilas Marcírio J. Pereira (Primavera), Martin Pilger (Vila Nova), Getúlio Vargas (Canudos) e a Vila das Flores (Rondônia).

No total, com o Pró-Moradia, cerca de 810 famílias serão beneficiadas, por meio de construção ou reforma das casas e investimentos em obras de planejamento social, saneamento básico, abastecimento de água, pavimentação asfáltica, entre outros.

Tarcísio destacou que o recurso foi conquistado por conta do empenho de secretários, diretores e da equipe técnica da Prefeitura, além do apoio da Câmara, da Caixa Econômica Federal e da Universidade Feevale. “Esta foi uma luta impressionantemente grande. Mas com isso, demonstramos que quando existe boa vontade e determinação, não há nenhum desafio que não possa ser superado”.

Orçamento Participativo

Os Delegados Populares e os Conselheiros do Orçamento Participativo – OP de Novo Hamburgo tomaram posse em cerimônia realizada na mesma noite.

Estiveram presentes o secretário Geral de Governo e Relações Comunitárias, Egon Kirchheim, o secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Roque Werlang, e o presidente da Câmara Municipal, Jesus Martins.

No total, o processo, que passou por todos os bairros do município (divididos em dez regiões), elegeu 224 delegados populares. São eles que serão os representantes da comunidade e que acompanharão e fiscalizarão a iniciativa até a sua nova edição no ano que vem.

Durante o encontro, Kirchheim falou sobre o papel dos delegados neste processo. “O Orçamento Participativo é um instrumento democrático que dá voz a comunidade, e por isso necessita da colaboração dela para seu sucesso. Se todos estiverem empenhados, certamente vamos construir uma cidade melhor”, disse.

Finalizando a cerimônia, o prefeito recebeu dos representantes e delegados, a ata das assembléias do OP no município. Este documento contém os resultados da iniciativa, como as demandas locais e regionais que foram eleitas.

Informações de Imprensa da PMNH

FOTO: divulgação / Diogo Fernandes

Compartilhar

Inaugurada a Unidade de Referência em Assistência Social de Lomba Grande

Avançar »

Novo Hamburgo: Desfiles marcam a Semana da Pátria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*