Taxa média de juros para pessoa física tem queda novamente

Anefac aponta que taxa caiu pelo terceiro mês do ano e fechou outubro com 6,6%. Redução foi de 1,86% em comparação com a taxa anual.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade – Anefac, apontou taxa média de juros das operações de crédito para pessoa física de 6,6% em outubro. Segundo a associação, esse é o terceiro mês que a taxa tem queda, sendo que no mês anterior, em setembro, a taxa de 6,69% foi a menor desde 1995.

A redução neste mês, portanto, foi de 1,86% se considerarmos a taxa anual. Os juros médios também diminuíram de setembro para outubro, passando de 117,51% para 115,32%. O vice-presidente da Anefac, Miguel José Ribeiro de Oliveira, acredita que quatro fatores influenciaram nas reduções: maior oferta de crédito, bom momento que a economia brasileira passa, maior competição no sistema financeiro e queda da taxa básica de juros – a Selic, no último dia 19 de outubro.

A taxa média de juros oferecida para as empresas também parece ter sido influenciada pelos quatro fatores acima, já que caiu para 3,89% em outubro. Em setembro a taxa totalizava 3,97% e sua redução foi a menor desde fevereiro deste ano. Assim como a taxa média de juros, a taxa anual diminuiu e passou para 58,08% ante 59,55%. Considerando o acumulado dos últimos doze meses, os juros médios para pessoas jurídicas caíram 2,47%.

Cinco de seis itens da taxa média de juros tiveram queda no mês

De seis itens considerados para a mediação da taxa, apenas um se manteve estável: o cartão de crédito com taxa de 10,69% ao mês. Já os juros cobrados em operações de crédito direto ao consumidor – CDC, teve uma das maiores quedas, fechando 2,16% ao mês com diminuição de 3,57%. Os empréstimos pessoais em bancos também tiveram queda de 3,58%, fechando 4,13% em outubro.

Além dos dois itens, mais três tiveram quedas. Os empréstimos por meio de financeiras, por exemplo, tiveram redução de 2,01% e taxa média de 8,71%. A taxa de cheque especial ficou 8,21% em outubro, com queda de 0,24%. E, por fim, os juros no comércio tiveram queda de 1,81% com marca de 5,44% ao mês.

A Anefac ainda acredita que as taxas de juros devem voltar a cair nos próximos meses, já que haverá prováveis novas reduções da taxa Selic.

Informações de Agência Brasil

FOTO: Ilustrativa / GettyImages

Compartilhar

Vendas do comércio varejista crescem em setembro

Avançar »

Projeções para a inflação oficial de 2011 e 2012 caem pela quarta semana consecutiva

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*