Inadimplência sobe 6,9%, a quinta elevação mensal seguida

No primeiro semestre, o crescimento foi de 4,25%. Falta de critérios adequados para uso do crédito seria a justificativa.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A taxa de inadimplência subiu 6,9% em junho, na comparação com o mesmo mês do ano anterior, segundo informou nesta quarta-feira, dia 06, a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas – CNDL, em conjunto com o Serviço de Proteção ao Crédito – SPC Brasil.

Trata-se do quinto mês seguido de elevação na taxa. Nos seis primeiros meses deste ano, a inadimplência avançou 4,25%. “O ciclo de aperto monetário, com aumento da taxa de juros básica, vem exercendo pressão negativa no custo do crédito. A falta de critérios adequados para o uso do crédito acaba por elevar os índices de inadimplência”, informaram os lojistas.

A CNDL lembra que sua base de dados incorpora os grandes e pequenos varejistas, mas não inclui as operações com cartões de crédito. As transações com cartões de crédito absorvem cerca de 20% do volume total de operações, segundo estimativas da entidade.

A CNDL e o SPC Brasil informaram também que o número de consultas realizadas subiu 8,66% em junho deste ano, contra o mesmo mês de 2010, e avançou 5,05% no primeiro semestre deste ano. “O aumento no número de consultas vem acompanhando o incremento de vendas em virtude do aquecimento do mercado de trabalho. A população ocupada apresentou crescimento de 2,5% no confronto com maio de 2010 e taxa de desemprego recuou 7,5% em março”, informaram as entidades.

Informações de portal G1

FOTO: ilustrativa / GettyImages

Compartilhar

Taxa de produção da indústria brasileira sobe 1,3% em maio

Avançar »

Índice de Preços ao Consumidor sobe 6,71% em 12 meses

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*