Previsão para inflação em 2011 é elevada mais uma vez

Boletim semanal do Banco Central estima 5,53% – antes, a expectativa era de 5,42%. Previsão para déficit em conta-corrente baixou para US$ 67 bilhões.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Analistas e investidores do mercado financeiro elevaram pela sétima vez a estimativa de inflação pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA.

De acordo com o boletim Focus, editado semanalmente pelo Banco Central, a estimativa de inflação subiu para 5,53% ante a expectativa anterior de 5,42%. Já a taxa de câmbio deve ficar em R$ 1,75 no final do ano.

O mercado também estima uma taxa básica de juros de 12,25% ao ano e queda na dívida líquida do setor público para 39,30% em comparação ao Produto Interno Bruto – PIB. A expectativa para o crescimento da economia permaneceu inalterada em 4,5%. O mesmo aconteceu com a projeção da produção industrial, que ficou estável em 5,02%.

No setor externo, são previstas melhorias no déficit em conta-corrente que passaria de US$ 67,49 bilhões para US$ 67 bilhões, com o saldo da balança comercial passando de US$ 9 bilhões para US$ 9,27 bilhões. Os investimentos estrangeiros diretos foram mantidos em US$ 40 bilhões.

O boletim Focus destaca ainda que os preços administrados, regulados pelo governo, terão uma elevação de 4,4% em 2011.

Informações de Agência Brasil

FOTO: ilustrativa / stock.xchng

Compartilhar

Selic vai a 11,25% e Brasil dispara na liderança de ranking de juro real

Avançar »

FMI eleva projeção para o PIB de 2011

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*