• Visualizações 236

Alunos, professores e funcionários da IENH promovem ação social durante a pandemia

A IENH, conectada às mais recentes pesquisas mundiais na área da inovação em humanidades, tem se tornado referência nos estudos, divulgação e práticas relacionadas as Soft Skills.  Em tradução livre as “habilidades suaves” se referem às capacidades humanas no campo da comunicação, criatividade, diversidade, proatividade, flexibilidade e empatia. Essas habilidades que têm sido pesquisadas pelas melhoras universidades do mundo, e desejadas pelo mundo do trabalho, são alvo de intensos estudos na IENH, mas mais do que isso, tem se tornado uma realidade nas práticas dos alunos, colaboradores e professores da instituição. Para o professor do curso de Especialização em Desenvolvimento Socioemocional no Contexto Educacional da IENH e coordenador do NEGEDJ-IENH (Núcleo de Estudos sobre Diversidade),  Dr. Luís Alexandre Cerveira, a pandemia nos ensinou que a saúde é nosso bem maior e que precisamos reconhecer nossos limites, enquanto humanidade. “As empresas que têm demonstrado suas soft skills, na prática, terão muito mais facilidade de conquistar a fidelidade de seus clientes, fornecedores e colaboradores na hora de se reerguerem. Fazer nossos alunos vivenciarem essas habilidades permite que eles incorporem qualidades que são, cada vez mais, valorizadas no mercado de trabalho e nos relacionamentos”, destaca Cerveira.

Portanto, as Soft Skills estão presentes do cotidiano da IENH e elas incentivaram para que uma campanha solidária fosse criada neste momento de pandemia.

CAMPANHA

Por conta do maior desafio sanitário e econômico das últimas décadas, a Pandemia do COVID -19, os alunos dos cursos superiores da Faculdade IENH, através do seu DA (Diretório Acadêmico), em parceria com o Grêmio Estudantil Castro Alves (Educação Básica) e APF (Associação de Professores e Funcionários) promovem uma ação comunitária que visa arrecadar recursos que serão destinados  a ABEFI (Associação Beneficente Evangélica da Floresta Imperial), que é uma organização focada em oferecer assistência, educação e alimentação gratuitamente para mais de 1500 crianças, adolescentes e adultos. A presidente do Diretório Acadêmico da IENH, Michele Bittencourt, explica que a meta é arrecadas R$ 4mil reais nos próximos 25 dias. “Metade do valor será doado pelo DA, Grêmio Estudantil da IENH e a Associação de Professores e Funcionários”, comenta a jovem.

A iniciativa surgiu após o grupo perceber as dificuldades enfrentadas por muitas pessoas que estão sem fonte de renda para manter-se neste período. A campanha permitirá que a ABEFI compre cestas básicas, cestas de materiais de higiene e limpeza e gás de cozinha para as famílias das crianças que a instituição atende no Bairro Santo Afonso – NH, afetadas pelo COVID-19. Para a diretora da Ação Encontro Abefi, Lia Andrade, a ação comunitária mobilizada pela IENH, chega em uma hora muito necessária e ajudará imensamente a quem mais precisa. “Somos muito gratas e deixamos registrada nossa admiração por esses jovens engajados e solidários em um momento tão delicado”, diz Lia.

COMO AJUDAR

A arrecadação se dará através de uma “vaquinha virtual” que pode ser acessada em vaka.me/1029642. Todo o projeto será executado de forma séria, transparente e com responsabilidade social.

Compartilhar

Novo decreto assinado pela prefeita diminui restrições a comércio e academias

Avançar »

Novo Hamburgo confirma mais oito casos de Covid-19

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*