• Visualizações 822

Ações da campanha Maio Amarelo conscientiza motoristas

A campanha Maio Amarelo, pela sensibilização comunitária no trânsito, foi oficialmente aberta na tarde desta quinta-feira, 11, no Passeio do Calçadão Oswaldo Cruz. Promovida pela Prefeitura de Novo Hamburgo, a solenidade contou com agentes da Guarda Municipal (GM), Centros de Formação de Condutores (CFCs) Valderez e Novo Centro, Guarda Mirim e Clube dos Desbravadores Canis Majoris, da Escola Adventista do Sétimo Dia. A iniciativa foi organizada pela Diretoria de Trânsito juntamente com a GM e a Secretaria Municipal de Educação, em parceria ainda com as empresas operadoras de ônibus Hamburguesa, Futura e Feitoria.

Abrindo os trabalhos da campanha, o diretor de Trânsito, Ricardo Schiavon, lembrou que a ONU instituiu o Maio Amarelo como parte da agenda da Década de Ação pela Segurança Viária, em 11 de maio de 2011, que segue até 2020, e das ações em larga escala alinhadas à hashtag #MinhaEscolhaFazADiferença. “O Maio Amarelo nos convida a sermos mais gentis pelas vias da cidade”, destacou em sua fala. A ação no Centro teve a prévia instrução do inspetor-chefe do Setor de Ensino da GM, o guarda municipal Roberto Daniel Bota, para a blitz educativa.

Presente à solenidade, a prefeita Fátima Daudt ressaltou a importância de se ter as crianças como multiplicadoras das boas práticas no trânsito. “Quanto mais conseguirmos sensibilizar os mais jovens, melhor será a nossa sociedade”, salientou, enquanto se dirigia ao público mirim. Na oportunidade, ela esteve à disposição para fazer fotos com os pequenos cidadãos e cumprimentar os lojistas no entorno do evento. A prefeita também fez questão de integrar o grupo de crianças que esteve na blitz educativa, atravessando a faixa de pedestres, que estava pintada de amarelo entre as listras brancas. Ela também entregou panfletos aos condutores de veículos que passavam pela Avenida Pedro Adams Filho.

Também prestigiando o evento no Calçadão, o secretário municipal de Segurança, General Roberto Jungthon, fez uma feliz relação entre as cores amarela e azul, que têm marcado este maio de maneira especial em Novo Hamburgo. “Este mês está ocupado pelo amarelo, que nos chama a atenção em nossas escolhas, e o anilado representa as nossas vitórias”, lembrou o General, fazendo a menção ao azul pela conquista do Esporte Clube Novo Hamburgo no Gauchão 2017.

Também estavam presentes à solenidade de abertura da campanha Maio Amarelo em Novo Hamburgo o chefe de Gabinete, Raizer Ferreira, o secretário de Esporte e Lazer, Jorginho Schmidt, a assessora da Secult, Sandra Seewald, o assessor especial de Gabinete, José Cacio Bortolini, o diretor da Comur, Joel Gross, e a comandante da Guarda Municipal, Luiza Schmidt.

Prefeitura promove ações do Maio Amarelo

A cor amarela representa atenção, alerta e advertência a motoristas, ciclistas, motociclistas e pedestres e têm no laço em tonalidade vibrante a marca que define o movimento mundial. “A questão envolve todos os segmentos da sociedade”, destaca o diretor de Trânsito, Ricardo Schiavon. “Portanto, o Maio Amarelo exige uma ação coordenada com todas as esferas, envolvendo o poder público e a sociedade civil.”

Ainda dentro das ações de preparação da campanha, em abril, os guardas municipais fixos das escolas, o efetivo do projeto Escola Mais Segura, os guardas mirins e o Clube dos Desbravadores receberam capacitação para atuarem como multiplicadores em educação no trânsito.

Durante o mês da campanha, o saguão do segundo andar do Centro Administrativo Leopoldo Petry recebe a Exposição #MinhaEscolhaFazADiferença. Nas instituições de ensino do Município, serão realizadas palestras e a Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Arnaldo Grin ganha um projeto piloto externo de sinalização de trânsito. A simbologia das cruzes em memorial está sendo empregada pela Prefeitura para conscientizar a comunidade hamburguense sobre a importância de se responsabilizar pelo trânsito nas vias do Município. Na rótula do Colégio Pio XII, 25 cruzes amarelas foram instaladas por alunos da escola junto ao Monumento ao Sapateiro. Elas representam o número de mortes no trânsito em 2016 na cidade. Conforme o guarda municipal Roberto Daniel Bota, inspetor-chefe do Setor de Ensino da GM, o objetivo da instalação é provocar a reflexão da sociedade. “A ideia é impactar os condutores e conscientizar a sociedade como um todo”, observou.

“A morte no trânsito, ao contrário do que se costuma ouvir, não é uma fatalidade”, observa Schiavon. “Não precisamos enfrentar uma guerra diária se houver prudência, educação e gentileza ao se trafegar pela cidade.”

Laços amarelos estão sendo usados em painéis de ônibus, que também recebem cartazes e busdoor, e veículos da Prefeitura. Também há blitze educativas organizadas, panfletos e adesivos distribuídos em pontos estratégicos dentro da agenda de atividades.

E ainda: são três pontos da cidade com faixas de pedestre pintadas de amarelo. Um fica na frente do Bourbon Shopping (na Avenida Nações Unidas). Há outro diante do Calçadão (na Avenida Pedro Adams Filho, no Centro). E também na entrada da Prefeitura de Novo Hamburgo (na Rua Guia Lopes).

Além da Década de Ação pela Segurança Viária, maio ainda tem como destaque a Semana Mundial de Segurança ao Pedestre, devido ao registro de um grande número de mortes específicas em função de imprudências cometidas nas vias públicas.

Assim, o quinto mês do ano se tornou referência mundial em estratégias para diminuir as infrações e, por consequência, reduzir os índices de acidentes. Atualmente, a hashtag #MinhaEscolhaFazADiferença é usada em toda campanha do Movimento Maio Amarelo – Atenção pela Vida.

As ações do Maio Amarelo seguem até o final do mês, conforme a programação abaixo:

18 de maio

9 horas às 18 horas – Distribuição de laços, adesivos e flyers sobre a campanha do Maio Amarelo junto às portarias do térreo e do segundo andar do Centro Administrativo Leopoldo Petry

20 de maio

9 às 11 horas – Blitz educativa no cruzamento da BR-116 com Rua Rincão

27 de maio

14 horas às 16h30 – Blitze na Avenida Nações Unidas, junto ao Bourbon Novo Shopping), e na Avenida Pedro Adams Filho (Calçadão Oswaldo Cruz), no Centro.

Compartilhar

Lula diz a Moro que não há provas contra ele e nega conhecimento de propina

Avançar »

Publicitário João Santana diz em delação que Lula sabia de caixa 2

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*