• Visualizações 1003

Toneladas de entulhos retiradas diariamente; saiba como denunciar descartes irregulares

No empenho para diminuir os acúmulos de lixo em Novo Hamburgo, a Secretaria de Obras Públicas, Serviços Urbanos e Viários utiliza, diariamente, cinco caminhões e duas retroescavadeiras para retirar, em média, 240 toneladas por dia de entulhos pelos bairros do município. São recolhidos galhos, móveis, eletroeletrônicos, madeiras, couros, pneus, resto de capina e de obras, entre outros, pelas ruas, arroios, terrenos e nos espaços reservados pela Prefeitura, como os ecopontos dos bairros Canudos e Santo Afonso.

O secretário da Pasta, Faisal Karam, explica que os descartes incorretos, principalmente, às margens dos arroios, acarretam os alagamentos e causam outras consequências nos dias de chuva. “Vários pontos de enchentes ocorrem devido ao lixo e os entulhos descartados de forma irregular, e, nas precipitações mais intensas, provocam entupimentos nas redes pluviais”, esclarece.

Custos podem chegar a mais de R$ 2 milhões

Faisal destaca ainda que a retirada dos entulhos jogados em lugares irregulares exige um custo muito alto do poder público. Anualmente, o valor pode chegar a aproximadamente R$ 2 milhões e 700 mil. “Somente a limpeza dos 2 Ecopontos significam valores na ordem de R$ 66 mil por mês. Se somarmos os depósitos clandestinos, chegamos a custos superiores a R$ 230 mil, sem considerar os desassoreamentos de arroios e os desentupimentos das redes pluviais”, estima.

O secretário ressalta que o destino dos recursos aplicados no recolhimento dos entulhos poderia ser outro e faz um pedido para a população. “Estes recursos gastos poderiam ser utilizados nas melhorias da cidade, como por exemplo, na pavimentação de ruas e na melhoria de outras áreas públicas. Pedimos a população que denuncie, sendo uma aliada no combate ao elevado custo de recolhimento”, solicita.

Fiscalização ampliada

O quadro de fiscais da Secretaria de Meio Ambiente, responsável pela fiscalização e notificação pelo descarte irregular de lixo, está sendo ampliado e os horários de vistoria estendidos. As verificações incluem os ecopontos e a origem dos materiais descartados nos locais.

Descarte correto

A população hamburguense pode contribuir com uma cidade melhor e minimizar os problemas com lixo, sendo consciente no destino dos materiais. A Prefeitura disponibiliza três ecopontos para o descarte correto dos resíduos de pequenas construções, móveis sem condições de uso e galhos oriundos de podas autorizadas.

Ecoponto Zona Leste (Canudos)

Endereço: Rua Dublin, 809;

Tipos de Resíduos: Resíduos de pequenas construções, móveis sem condições de uso e galhos oriundos de podas autorizadas.

Ecoponto Zona Norte (Roselândia)

Endereço: Rua Benjamin Altmayer, 2660;

Tipos de Resíduos: Resíduos de pequenas construções, móveis sem condições de uso e galhos oriundos de podas autorizadas.

Ecoponto Zona Sul (Santo Afonso)

Endereço: Avenida Montevidéo, 520;

Tipos de Resíduos: Resíduos de pequenas construções, móveis sem condições de uso e galhos oriundos de podas autorizadas.

Números para denúncias

Para contribuir no combate aos descartes irregulares, a população pode denunciar, em caso de flagrante, por meio do telefone 99645-7266. Nos demais casos de entulhos em lugares irregulares, os moradores podem abrir um protocolo de solicitação da retirada pelo telefone 3097-9400.

 

Compartilhar

Manifestações contra reformas da Previdência afetam serviços no Estado

Avançar »

Radicais Livres: A cara maquiada da Nova Política

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*