• Visualizações 581

Ministério da Agricultura queima seis toneladas de leite em pó contaminado

Dos 318 mil litros de leite cru apreendidos na operação, cerca de 28 mil testaram positivo para a presença de ureia e formol. Produto era oriundo de dois entrepostos interditados em 08 de maio.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Fiscais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa queimaram 6,2 toneladas de leite em pó, em Taquara, no Rio Grande do Sul. No produto, foi detectada a presença de formol.

De acordo com o ministério, a ação aconteceu nesta segunda-feira, dia 20, dando continuidade à Operação Leite Compensado, deflagrada no início do mês pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul e o Ministério da Agricultura.

Dos 318 mil litros de leite cru apreendidos na operação, cerca de 28 mil testaram positivo para a presença de ureia e formol. O produto era oriundo de dois entrepostos interditados no dia 8 de maio deste ano. Os problemas foram detectados em 7,5 mil litros da empresa Líder Alimentos, em Crissiumal (RS), e de 20,8 mil litros da Marasca, que fica em Selbach (RS).

O leite cru é transformado em leite em pó para a realização de testes e, quando confirmada a adulteração ou contaminação, o produto é incinerado. Segundo o ministério, para cada dez litros de leite cru, faz-se cerca de um quilo de leite em pó.

A Superintendência Federal de Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul ainda aguarda as demais análises das amostras de leite apreendido. A partir delas, serão definidos os destino dos demais lotes, cautelarmente apreendidos em uma empresa que auxilia as ações do ministério.

Como a adulteração do produto ocorreu durante o processo de transporte, o ministério informou que vai se reunir nesta quarta, dia 22, com representantes da cadeia produtiva do leite, para sugerir mudanças na relação das indústrias de laticínios com as transportadoras.

Informações de Agência Brasil

FOTO: reprodução / Agência Brasil

Compartilhar

Dia da Liberdade de Impostos no RS ocorre nesta quarta, dia 22

Avançar »

Governo autoriza para outubro 1º leilão de área do pré-sal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*