• Visualizações 13425

Clareadores à venda nas farmácias. Isto funciona?

Olá, pessoal!

Com a chegada do fim do ano, muitos pacientes buscam alternativas para clarear os dentes. Nos supermercados e nas farmácias, muitos produtos prometem clarear os dentes em pouco tempo. Porém, cuidado! Na maioria das vezes, estes produtos não cumprem o que prometem.

Eu sempre digo para os meus pacientes que o remédio caro é aquele que não funciona. Sim, porque você gasta seu dinheiro e continua com dor, e então acaba tendo que comprar mais um remédio para resolver seu problema.

Está à venda nas farmácias um gel clareador caseiro com o qual o paciente faz tudo sozinho, em casa, sem ir ao dentista. Este tipo de tratamento é bem mais em conta do que o tratamento clareador realizado pelo dentista… Parece ser uma maravilha! Em poucos dias, sem precisar ir ao dentista, eu posso ter meus dentes branquinhos!

Não se iluda… A história não é bem assim… Estes clareadores são, na verdade, o mesmo produto que o dentista usa, só que na embalagem não consta a concentração. Eles se apresentam na forma de fitas adesivas e não precisam da moldeira de silicone confeccionada pelo dentista. Só que o gel fica também em contato com a gengiva e causa queimaduras. Além disso, eles causam extrema sensibilidade, principalmente se a pessoa tiver com alguma retração de gengiva ou cárie. Também há de se considerar que o uso indiscriminado de medicações pode gerar vários efeitos colaterais. O peróxido de hidrogênio, que é a base destas substâncias clareadoras, pode causar gastrite, queimaduras, náuseas, reações alérgicas e problemas de ordem dentária.

Agora, sobre as pastas que prometem clarear: todas estas pastas possuem muitas substâncias abrasivas para remover as manchas que se depositam externamente ao dente. Elas não modificam a cor dos dentes e seu uso contínuo pode causar desgastes na estrutura dentária.

Portanto, o jeito certo de fazer um tratamento é com o acompanhamento de um dentista de sua confiança, sendo que o só ele pode determinar qual a melhor técnica a ser aplicada no seu caso.

Um abraço!

FOTO: ilustrativa / meionorte.com

Compartilhar

Foto da Semana #6: “Paz em Porto Belo”, de Irineu Valdir dos Santos

Avançar »

Foto da Semana #7: “Luz Divina”, de Virginia Winter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Turismo
home_central_vertical