Para brasileiros, principal problema do mundo é a criminalidade

Pesquisa anual conclui também que a corrupção é o assunto mais discutido do mundo, citada por 24% dos entrevistados.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Segundo 29% dos brasileiros, a criminalidade é o principal problema do mundo. O dado faz parte de uma pesquisa encomendada pelo Serviço Mundial da BBC, feita em 23 países.

Esta percepção é semelhante à de outros países na América Latina, onde a questão da segurança encabeçou os temas mais discutidos em três dos seis países pesquisados. A corrupção foi apontada como mais discutida em um.

Nas respostas induzidas, no entanto, quando os entrevistados foram apresentados a uma lista de 14 temas sobre o qual deveriam opinar – e que não incluía violência –, 95% e 94% dos brasileiros classificaram, respectivamente, os problemas da pobreza e da corrupção como “muito sérios”.

Em seguida, vieram a poluição e problemas ambientais e as guerras e conflitos (92% cada categoria). As turbulências na economia global são consideradas “muito graves” por 66% dos brasileiros e o aquecimento global, que preocupava seriamente 90% dos brasileiros no ano passado, hoje preocupa 80%.

A pesquisa anual World Speaks (“Mundo fala”) ouviu 12,3 mil entrevistados entre julho e setembro, a fim de estabelecer os temas que mais preocupam a população destes países e os mais discutidos.

Corrupção é o assunto

mais discutido no mundo

No mundo, os assuntos mais discutidos foram a corrupção (apontada por 24% dos entrevistados, três pontos percentuais a mais que no ano passado), a pobreza extrema e o desemprego. Em 19 países que participaram das três edições da pesquisa, o número de pessoas afirmando que discutiram as dificuldades no mercado de trabalho no mês anterior à entrevista subiu de apenas 3% em 2009 para 15% no ano passado e 18% neste ano.

Entre os países mais pobres, a corrupção, o desemprego, a pobreza extrema e o aumento do preço dos alimentos estão entre os mais discutidos internamente.

Essas preocupações também são típicas dos países de renda média, ainda que em menor grau. Já nos países ricos, a maior preocupação é de longe com o estado da economia mundial, o aquecimento global e guerras.

Informações de BBC

FOTO: reprodução

Compartilhar

Internação involuntária de usuários de crack: necessária ou não?

Avançar »

Enfeite diferente: pinheiro de natal em escola de Campo Bom abriga ninho de passarinhos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*