Pensar novos projetos é tema de reunião de grupo hamburguense

Grupo Pensando Novo Hamburgo avaliou, entre outras propostas, participação em campanha de adoção de animais abandonados.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Para o grupo Pensando Novo Hamburgo, já é tempo de planejar o Natal dos Sinos de 2011. Este foi um dos projetos apresentados na reunião desta quarta-feira, dia 20.

A coordenadora geral Madalena Dapper explica que esteve reunida com representantes da prefeitura e sugeriu a participação do grupo no desfile dos bairros, parte da programação natalina em Novo Hamburgo.

“Como não podemos contribuir financeiramente, poderíamos participar abrindo o desfile dos bairros, já que nós representamos toda a comunidade hamburguense”, indicou. A proposta foi aprovada pelos presentes.

Outra sugestão de projeto prontamente aceita foi o “Quero Saber Mais”, apresentado pela coordenadora comunitária Andrea Schneider. A idéia é implantar bibliotecas comunitárias no município, para ampliar os níveis de leitura. “Mais do que isso, poderemos levar uma mudança social para a comunidade”, defende Andrea.

Há intenção também de desenvolver uma parceria com a Secretaria de Habitação – Sehab para divulgação de locais onde é possível doar materiais de construção, inclusive os resíduos de obras.

Situação dos animais de rua é

relatada por representante da Semam

O assessor executivo da Secretaria de Meio Ambiente de Novo Hamburgo – Semam, Fernando Marco (foto), esteve na reunião para relatar a situação dos animais abandonados no município. Além disso, propôs uma parceria com o grupo.

“Calculando por baixo, Novo Hamburgo tem três mil animais de rua. A prerrogativa do Canil Municipal é de protegê-los e coibir maus tratos. No entanto, não podemos mantê-los, porque há um limite de 250 cães e 100 gatos, e cada animal excedente corresponde a uma multa de R$ 2 mil”, explica.

“Por isso, a proposta é simples: realizar uma campanha de adoção no estilo ‘não compre, adote’. O Canil castra os animais adotados e a pessoa assina um termo de compromisso.”

FOTO: Mônica Neis Fetzner / novohamburgo.org

Compartilhar

Implantes: A bola da vez na Odontologia

Avançar »

Estudo prova que gays em novelas têm papel educativo para telespectadores

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*