• Visualizações 1300

Festa Nacional do Calçado recebe com honras visitante de número 100 mil

“Nunca antes na história desta festa…”, brincou o diretor-presidente da Fenac S/A, Ricardo Michaelsen, emocionado com a marca histórica alcançada na edição 2010.

Rodrigo Steffen

(Especial)

Passavam 10 minutos das 17 horas deste domingo, dia 12, quando Ana Paula Colombo, gerente de loja, de Riozinho, entrava na Festa Nacional do Calçado.

Leia Mais

Festa Nacional do Calçado encerra com clima de satisfação

Sem compreender o que estava acontecendo, com tantas pessoas à sua volta aplaudindo, foi parabenizada pelo diretor-presidente da Fenac S/A, Ricardo Michaelsen. Ela era a visitante de número 100 mil na edição 2010 da feira calçadista.

Esta é a segunda vez que Ana Paula visita os pavilhões da Fenac, em Novo Hamburgo, para conferir as ofertas. “Estive no ano passado, achei muito interessante e retornei este ano”, revela. “Fiquei muito feliz pela distinção. Estava na hora exata, no lugar certo.”

A gerente de loja recebeu calçados das lojas Vis-a-Vis, Berlonzi e dois pares da NinaRo, com a marca que, curiosamente, leva o mesmo nome da visitante ilustre. Além dos presentes, Ana Paula ganhou um Passaporte Vip, que dá acesso gratuito nas próximas edições da feira.

A marca alcançada, na verdade, é apenas o símbolo do sucesso da Festa Nacional do Calçado, que ultrapassa todos os recordes de público, expositores, área ocupada, veículos no estacionamento e volumes de negócios de calçados e bolsas comercializados.

Apesar da chuva, o movimento de visitantes foi intenso ao longo de todo o domingo e centenas de pessoas entravam na feira restando pouco mais de três horas de vendas. Com fluxo intenso nos corredores e prateleiras vazias, longas filas se formavam em torno das lojas que liquidavam o finzinho dos estoques.

A expectativa de Ricardo Michaelsen era de que mais aproximadamente quatro mil pessoas ainda chegassem aos pavilhões da Fenac, aproveitando as últimas ofertas e atingindo público superior ao do último domingo.

FOTOS: Roberto Siebel/novohamburgo.org

Compartilhar

Mortes por atropelamento caem em Porto Alegre, mas novo sinal pode ser mais utilizado

Avançar »

Festa Nacional do Calçado encerra com clima de satisfação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*