• Visualizações 604

POE dispersa protesto do Cpers em frente à casa de Tarso Genro

Tropa de choque usou gás de pimenta e bombas de efeito moral. Presidente do Cpers, Rejane de Oliveira, disse que o grupo realizava um ato na rua Dona Laura, bairro Rio Branco, para pressionar Executivo.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

Cerca de 100 professores ligados ao Cpers Sindicato protestavam por volta da 6h30min desta segunda-feira em frente à casa do governador Tarso Genro, em Porto Alegre, quando o Pelotão de Policiamento Ostensivo – POE da Brigada Militar – BM dispersou os manifestantes com gás de pimenta e bombas de efeito moral.

Em entrevista, a presidente do Cpers, Rejane de Oliveira, disse que o grupo realizava um ato na rua Dona Laura, bairro Rio Branco, para pressionar o Executivo a negociar com a categoria, mas foi surpreendido com a ação dos policiais militares.

A BM montou um cordão de isolamento em frente à residência, impedindo o acesso à via. Os sindicalistas realizaram caminhada na rua Dona Laura e Protásio Alves, que tiveram o trânsito bloqueado pela Empresa Públcia de Transporte e Circulação – EPTC.

Informações de CP

FOTO: reprodução / André Ávila / CP

Compartilhar

Enade: Universidades receberão resultado da prova de 2012 a partir de segunda-feira

Avançar »

Universidades gaúchas estão entre as melhores do Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*