Senado aprova projeto de lei que torna Enem obrigatório

Projeto ainda precisa ser votado novamente e depois seguir para Câmara. Enem deste ano tem mais de 7 milhões de inscritos.

Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado aprovou o projeto de lei que prevê tornar o Exame Nacional do Ensino Médio – Enem obrigatório a todos o estudantes que concluem a educação básica.

O projeto ainda precisa ser votado novamente pela Comissão, pois o que foi aprovado era um substitutivo, e depois vai ser encaminhado à Câmara dos Deputados.

A lei, de autoria do senador Aníbal Diniz (PT-AC), prevê que o Enem seja estendido progressivamente a todos os estudantes do país e funcione como um sistema de avaliação do ensino médio.

O Enem foi criado em 1998 com o objetivo de aferir a qualidade do ensino médio. A prova tinha 63 questões de múltipla escolha. Na primeira edição havia 157.221 estudantes inscritos. A partir de 2009, o exame mudou de formato e de propósito. Passou a ter 180 questões e uma redação divididas em dois dias de prova e funcionar como ingresso nas principais universidades públicas do país, por meio do Sistema de Seleção Unificado – Sisu.

A edição deste ano, cujas provas ocorrem em 26 e 27 de outubro, teve recorde inscritos nos 15 anos da história do exame: 7.173.574 pessoas. Segundo o Ministério da Educação, quase 90% dos estudantes concluintes do ensino médio deste ano se inscreveram.

Informações de Portal G1
FOTO: reprodução / mec

Compartilhar

Unisinos, UFRGS e PUCRS alteram rotina acadêmica por conta de manifestações

Avançar »

Inscrições para as 90 mil bolsas do Prouni terminam nesta terça-feira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*